Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.



STF afasta Renan da presidência do Senado

Pedro França/Agência Senado

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello concedeu liminar nesta segunda-feira (5) para afastar Renan Calheiros (PMDB-AL) da presidência do Senado; ele atendeu a pedido do partido Rede Sustentabilidade e entendeu que, como Renan Calheiros virou réu, não pode continuar no cargo em razão de estar na linha sucessória da Presidência da República; após a decisão de afastar o peemedebista da presidência do Senado, Marco Aurélio deverá levar a decisão liminar (provisória) a referendo do plenário do Supremo, o que ainda não tem data para ocorrer; o senador Jorge Viana, do PT, é quem assume a presidência do Senado; sem Renan, Temer terá dificuldades para fazer tramitar seu pacote de ajuste fiscal, que inclui elevar a Reforma da Previdência, que castiga os mais pobres e mantém privilégios dos mais ricos

Parente dá paulada no bolso do consumidor e gasolina sobe 8,1%

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Em plena recessão, a maior da história do País, provocada pelo golpe de 2016, a Petrobras anuncia um aumento de 8,1% na gasolina que pode levar a zero a aprovação de Michel Temer; a Petrobras justificou a decisão pela variação do câmbio e dos preços do petróleo; "As principais variáveis que explicam a decisão do Grupo Executivo são o aumento observado nos preços do petróleo e derivados e desvalorização da taxa de câmbio no período recente. Por outro lado, a participação da Petrobras no mercado interno de diesel registrou pequenos sinais de recuperação", disse em nota