Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.



Governo Temer já prepara a volta da CPMF

Depois de mergulhar o Brasil na maior depressão econômica de sua história, o governo de Michel Temer prepara a ressurreição da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira; a CPMF está dentro do projeto de lei que propõe a reforma tributária, preparado pelo deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR); "CPMF vai substituir o IOF [Imposto sobre Operação Financeira] porque o IOF é nocivo, ele atinge o crédito", disse o deputado ao sair de uma primeira reunião sobre o tema no Palácio do Planalto; proposta, que pode ter a mesma alíquota de 0,38%, é parecida com a que foi feita pela presidente Dilma Rousseff, mas que foi sabotada no Congresso, principalmente pelo PMDB e PSDB; deputado tucano também propõe a criação de outro tributo, o Imposto sobre Valor Agregado (IVA), que substituiria os ICMS estaduais  

Engenheiros lançam manifesto contra destruição da economia

Governo de Michel Temer e Henrique Meirelles ganha cada vez mais resistência na sociedade civil organizada; o Clube de Engenharia, juntamente com entidades empresariais e outras associações de engenheiros e profissionais de engenharia, divulgou manifesto contra a deterioração da economia brasileira; os engenheiros condenam a dilapidação do patrimônio da Petrobras, que ao longo da história do Brasil "sempre foi a âncora do nosso desenvolvimento industrial, responsável pela cadeia de mais de 5.000 fornecedores nacionais e estrangeiros"; grupo defende a "reorientação da política econômica, no sentido da redução mais rápida da taxa de juros, da racionalização da carga tributária e da retomada dos investimentos públicos, que possibilite a retomada da produção industrial e a recomposição do poder de compra das famílias"