Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.


PF deflagra nova fase da Lava Jato e mira operadores do PMDB

Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Polícia Federal está na ruas do Rio, São Paulo e Curitiba para cumprir mandados de prisão e condução coercitivas expedidos pelo juiz Sérgio Moro na 41ª fase da Lava Jato; os alvos são os lobistas Jorge Luz e Bruno Luz, tidos como operadores na ação que apura pagamentos de propina ao PMDB, além de outras pessoas supostamente envolvidas com eles; a dupla já havia sido alvo da 38ª fase da Lava-Jato; a atual operação tem a ver com irregularidades num campo de petróleo comprado pela Petrobras no Benim, na África; segundo as investigações, Jorge e Bruno estão envolvidos em pelo menos seis episódios de corrupção e lavagem de dinheiro no esquema da Petrobras e foram citados por ao menos dois delatores da Lava-Jato: Paulo Roberto Costa e Fernando Soares, o Baiano

Temer trama para adiar sua “morte” no TSE

Investigado por corrupção, organização criminosa e obstrução judicial, além de alvo de 14 pedidos de impeachment, Michel Temer tenta tirar uma nova carta da manga para se manter no cargo – e garantir seu foro privilegiado; segundo o colunista Josias de Souza, ele articula o apoio de um ministro no Tribunal Superior Eleitoral, que pediria vistas e adiaria o julgamento previsto para 6 de junho; a queda pelo TSE vinha sendo tratada pelo PSDB como a "saída honrosa" para Temer, mas ele pretende lutar para ficar, mesmo sendo rejeitado por 95% dos brasileiros


Fechar