Segundo o ministro, "nada há nos autos que leve à conclusão de que se deva deferir à paciente o direito de permanecer calada durante seu depoimento"

Blogs 247

Colunistas

Ao vivo na TV 247 Youtube 247

Cortes 247

Apoie o 247

Revista Brasil 247