América latina

Presidente Luis Arce pede unidade dos bolivianos diante da reorganização da direita

Arce destacou o "avanço dos setores populares na América Latina", mas alertou que o "perigo persiste em cada um dos países onde se instalou um governo progressista"

www.brasil247.com - Luis Arce, presidente da Bolívia
Luis Arce, presidente da Bolívia (Foto: Presidência da Bolívia)


ARN - O presidente da Bolívia, Luis Arce, disse que é hora de "trabalhar pela unidade de todas as organizações sociais" do país diante do avanço da direita que está aproveitando "algumas fragilidades" do movimento que apoia o governo.

Arce falou neste fim de semana em uma reunião da Confederação Sindical de Comunidades Interculturais Originárias da Bolívia.

“Hoje temos uma direita que está se rearticulando, se reorganizando e aproveitando algumas fragilidades que temos mostrado como instrumento político, e ela começa a ganhar terreno; isso deve nos chamar profundamente à reflexão hoje no debate político, irmãos”, disse o presidente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Arce destacou o "avanço dos setores populares e revolucionários na América Latina", mas alertou que o "perigo persiste em cada um dos países onde se instalou um governo revolucionário e progressista".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na Bolívia, acrescentou, há interesses da "direita internacional e nacional". “É muito importante que tenhamos muita clareza sobre o contexto internacional para poder emitir critérios e entender a realidade nacional. Dentro do nosso país, a direita ainda está viva; os golpistas estão aí se articulando, a direita golpista não foi derrotada; vencemos as eleições, mas não derrotamos o golpismo de direita que ainda está na vanguarda e temos que entender isso perfeitamente para não errar nos próximos passos”, disse.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Arce disse que é preciso trabalhar na unidade de todas as organizações sociais. "A classe dominante e o capitalismo querem que lutemos entre todos nós”, disse o presidente.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email