A água bateu na bunda de Temer, reconhece Planalto

O ilegítimo tentará dividir a chapa Dilma-Temer para tentar se safar da cassação no TSE. O diabo é que todos os depoimentos e delações no âmbito da Lava Jato levam a ele, Temer, e inocentam a presidente eleita Dilma Rousseff (PT)

O Palácio do Planalto reconhece que há "risco real" para o mandato de Michel Temer (PMDB) com o depoimento de Marcelo Odebrecht.

O registro é do portal UOL, do grupo Folha, ao anotar que o ilegítimo tentará dividir a chapa Dilma-Temer para tentar se safar da cassação no TSE.

O diabo é que todos os depoimentos e delações no âmbito da Lava Jato levam a ele, Temer, e inocentam a presidente eleita Dilma Rousseff (PT).

Aliás, não há como cassar quem já perdeu o mandato. Portanto, a matéria no eleitoral é "preclusa" e não atinge a petista.

Resumo da ópera: a água bateu na bunda de Temer.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247