Abusos e parcialidade fazem Lava Jato perder apoio

Lava Jato vai sendo desmascarada como o que é, uma operação parcial levada a cabo para tirar o PT do poder e que, sobretudo na figura de Sergio Moro, tem forte viés político em prol de corruptos filiados a partidos simpáticos à Justiça brasileira, atualmente conhecida como “partido da justiça”

Lava Jato vai sendo desmascarada como o que é, uma operação parcial levada a cabo para tirar o PT do poder e que, sobretudo na figura de Sergio Moro, tem forte viés político em prol de corruptos filiados a partidos simpáticos à Justiça brasileira, atualmente conhecida como “partido da justiça”
Lava Jato vai sendo desmascarada como o que é, uma operação parcial levada a cabo para tirar o PT do poder e que, sobretudo na figura de Sergio Moro, tem forte viés político em prol de corruptos filiados a partidos simpáticos à Justiça brasileira, atualmente conhecida como “partido da justiça” (Foto: Eduardo Guimarães)

A última edição da pesquisa “Pulso Brasil”, é feita mensalmente pelo instituto Ipsos e apura vários aspectos da evolução da opinião pública sobre política, economia, hábitos de consumo dos brasileiros e suas opiniões sobre valores e comportamento.

A edição de outubro dessa pesquisa apurou a quantas anda o apoio à Lava Jato e o resultado está sendo comemorado por grupos políticos fascistas que enxergam na operação a única oportunidade de derrotar “definitivamente” a centro-esquerda brasileira.

O site Antagonista, por exemplo, veiculou recentemente uma opinião que exprime o aspecto mais característico do fascismo, a busca furiosa pela “unanimidade”, ou seja, o sufocamento da divergência de opiniões.

A opinião do site pilotado pelo fugitivo (do Brasil) Diogo Mainardi e dois outros comparsas, porém, é uma balela, uma enganação, bem ao estilo dessa gente.

Eles dizem que Para 94% dos brasileiros, “A Lava Jato deveria continuar com as investigações até o fim, custe o que custar” e que “A pesquisa Ipsos, citada pelo Estadão, mostrou também que, para 76% dos entrevistados, a Lava Jato “fortalece a democracia”.

Não é bem assim. É óbvio que pouca gente seria contra investigação de corrupção, daí o dado perene nessa e em outras pesquisas no sentido de que “94%” – a tal unanimidade almejada pelo site fascista citado – quer combate à corrupção.

(...)

Tudo somado, a Lava Jato vai sendo desmascarada como o que é, uma operação parcial levada a cabo para tirar o PT do poder e que, sobretudo na figura de Sergio Moro, tem forte viés político em prol de corruptos filiados a partidos simpáticos à Justiça brasileira, atualmente conhecida como “partido da justiça”.

Leia o artigo na íntegra. 

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247