Adeus, querido: STF autoriza segunda denúncia contra Temer

“A palavra está com a Câmara dos Deputados, não com o Supremo Tribunal Federal”, resumiu o ministro Luís Roberto Barroso

“A palavra está com a Câmara dos Deputados, não com o Supremo Tribunal Federal”, resumiu o ministro Luís Roberto Barroso
“A palavra está com a Câmara dos Deputados, não com o Supremo Tribunal Federal”, resumiu o ministro Luís Roberto Barroso (Foto: Esmael Morais)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Seis ministros do STF já autorizaram o encaminhamento da segunda denúncia contra Temer.

O peemedebista é acusado por obstrução de Justiça e organização criminosa.

O placar de 6 votos favoráveis a zero ainda pode mudar, mas a maioria já está consolidada no STF.

Seguiram o relator Edson Fachin, o seguintes ministros: Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Dias Toffoli.

Concluído esse julgamento, o Supremo enviará a denúncia à Câmara, onde precisa ser aprovada por 342 dos deputados para que o tribunal possa decidir sobre a abertura de um processo contra o peemedebista.

“A palavra está com a Câmara dos Deputados, não com o Supremo Tribunal Federal”, resumiu o ministro Luís Roberto Barroso.

Acompanhe a sessão ao vivo:

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247