Ataque à graça constitucional bolsonarista é desgaste para oposição que a desmoraliza

"Por que correr o risco de carregar uma derrota, se as controvérsias sobre o assunto não conseguem formar consenso?", questiona César Fonseca

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução | Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados)


Por César Fonseca 

Constitucionalistas de peso reconhecem que Bolsonaro não agiu inconstitucionalmente ao conceder indulto, previsto no artigo 84 da Constituição; certamente, o STF, na apreciação do assunto, vai seguir a Constituição; a esquerda pode cometer equívocos e se desmoralizar se negar o direito constitucional presidencial; o Código Civil, também, dizem especialistas, não foi violado pelo ato presidencial; por que, então, correr o risco de carregar uma derrota, se as controvérsias sobre o assunto não conseguem formar consenso?

Bolsonaro, pela letra da lei, sairia por cima fortalecido para repetir o ato quantas vezes quisesse; trata-se de direito discricionário do presidente da República que o capacida a agir tempestiva ou intempestivamente; direito constitucional do chefe do governo; o PT, que pede ao STF cancelamento junto com seus aliados estariam negando a si mesmos o direito de utilizarem o instituto consticional da graça/indulto, se amanhã estiverem no poder; não poderia, por exemplo, o suposto presidente Lula vitorioso conceder a graça do indulto a José Dirceu , um dos maiores nomes do partido, junto com outros companheiros vítimas da armadilha jurídica da teoria do domínio do fato para condená-lo a 27 anos de prisão pelo denominado crime do mensalão;

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O PT antecipará sua renúncia a um direito constitucional, sabendo que vai precisar dele, no futuro, se as urnas consagrarem a oposição, como prenunciam pesquisa eleitorais?; a decisão política do indulto por Bolsonaro pode virar armadilha contra a frente de oposição; justificaria radicalização política de Bolsonaro; o que o PT e aliados ganhariam se resolvem negar direito do presidente à graça/indulto que a Constituição lhe reserva como direito exclusivo? 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A reação da esquerda nesse sentido seria inconstitucional, principalmente, aos olhos do próprio STF; seria um vexame total, a ser explorado pelos bolsonaristas; tremendo tiro no pé; os bolsonaristas estão exultantes, considerando Bolsonaro por ter enfrentado o SFT com a arma do indulto; "herói", foi o que escutei na fila de supermercado hoje, na Asa Norte. O PT vai cair na armadilha de Bolsonaro?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email