Até quando vão jogar lama no Dr. Hélio?

Querer incluir Dr. Hélio na Lava Jato é uma tremenda sacanagem, desculpe a expressão. Mas acho que nenhuma palavra é chula o suficiente para se comparar a isso que estão fazendo contra ele

O ex-prefeito de Campinas, Hélio de Oliveira Santos, foi denunciado pelos procuradores que investigam o esquema de corrupção na Operação Lava Jato, por lavagem de dinheiro originado numa operação de empréstimo envolvendo o pecuarista José Carlos Bumlai e o Banco Schahin. De tudo o que já foi denunciado até agora pelos rapazes do Ministério Público, este em especial foge completamente ao modus operandi da corrupção praticada aqui ou em qualquer outro lugar do mundo. Num cálculo aproximado, os números que estão em jogo são esses: o Banco Schahim repassa R$ 12 milhões a Bumlai, em troca de um contrato com a Petrobras para operar navios sondas no valor de US$ 1,6 bilhão.

Convertendo essa montanha de dólares para real, temos aí algo em torno de fantásticos cinco bilhões de reais. Aplicando-se o IPP (índice de pagamento de propina), que historicamente gira na casa dos 30% no Brasil, esse negócio teria de render aos acusados pelo menos um bilhão e meio de reais. Olha que negócio da China fez a Schahin: fechou um contrato bilionário em troca de um empréstimo de R$ 12 milhões ao pecuarista Bumlai, para pagar dívidas do PT.

E onde entra o Dr. Hélio, como é conhecido o ex-prefeito de Campinas, nessa história? Isso não fica claro em nenhum momento da peça de acusação formulada pelos rapazes do Ministério Público. O Power Point da vez monta um roteiro envolvendo personagens conhecidos, como o ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares, O presidente do Banco Schahin, Sandro Tordin, donos de agência de comunicação, um empresário do ramo de frigorífico, todos supostamente articulados numa operação para saldar dívidas do Partido dos Trabalhadores, segundo os próprios investigadores da Lava Jato.

O problema, é que Dr. Hélio não tem nada a ver com o Partido dos Trabalhadores. O ex-prefeito de Campinas disputou a eleição de 2004 pelo PDT, quando supostamente ocorreram tais irregularidades. Conseguiu avançar para o segundo turno, derrotando inclusive o candidato do PT. Agora me explica: como um candidato que está com a faca e o queijo na mão para ganhar uma eleição, vai se meter num esquema de pagamento de dívidas de campanha de um adversário que ficou para trás no primeiro turno? Nem o juiz Sérgio Moro entrou nessa conversa de pagamento de campanha, quando condenou o pecuarista Bumlai a dez anos de prisão.

Os rapazes do Ministério Público acusam Dr. Hélio por lavagem de dinheiro, mas não dizem como chegaram a esta conclusão. Por favor, senhores promotores, não deixem que o ministro Gilmar Mendes tripudie mais uma vez sobre vocês e suas atitudes intempestivas. Onde, como, em que momento, de que forma o ex-prefeito de Campinas participou desse esquema? Se tudo o que vocês investigaram é o que consta no release distribuído para a imprensa, a falta dessas respostas está gritando na sociedade.

Lavagem de dinheiro é tornar legal dinheiro sujo. O Power Point da vez não revela em nenhum momento que este dinheiro passou pela campanha do Dr. Hélio em 2004. A dívida de campanha não era do PT? A agência de publicidade não estava cobrando a dívida do PT? Como o candidato do PDT, que derrotou no primeiro turno o candidato do Partido dos Trabalhadores, pode ser acusado de lavar dinheiro para pagar uma dívida que não era sua?

Quando o PT apoiou a candidatura do Dr. Hélio no segundo turno, as contas de campanha do PDT já estavam praticamente fechadas. Não havia nenhuma pendência financeira que exigisse aporte de recursos vindos de qualquer origem. O pagamento de dois showmícios, na época permitida pela Justiça Eleitoral, cujos valores foram devidamente registrados no TRE, foi a maneira que o Partido dos Trabalhadores encontrou para oficializar seu apoio. E só!

O juiz Sérgio Moro confia na condução dos trabalhos do seu grupo, mas já demonstrou possuir discernimento para identificar e coibir excessos dos rapazes do MP. Querer incluir Dr. Hélio na Lava Jato é uma tremenda sacanagem, desculpe a expressão. Mas acho que nenhuma palavra é chula o suficiente para se comparar a isso que estão fazendo contra ele.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247