Autocrítica devida

"Um dos maiores absurdos jamais cometidos pela esquerda, a começar pelo PT, mas se estendendo ao PCdoB, ao PSOL e outras agremiações, foi ter votado a favor da Lei da Ficha Limpa", escreve o jornalista Breno Altman; para ele, um dos maiores erros do presidente Lula foi sanciona-la; "Houve capitulação geral diante de uma escalada midiática e da opinião pública de classe média em favor do redesenho da ordem pública, esvaziando a soberania popular e fortalecendo o papel moderador do Poder Judiciário", diz Altman

Ex-presidente Lula participa da 5ª Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Ex-presidente Lula participa da 5ª Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil) (Foto: Breno Altman)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Um dos maiores absurdos jamais cometidos pela esquerda, a começar pelo PT, mas se estendendo ao PCdoB, ao PSOL e outras agremiações, foi ter votado a favor da Lei da Ficha Limpa.

Um dos maiores erros do presidente Lula foi sanciona-la.

Houve capitulação geral diante de uma escalada midiática e da opinião pública de classe média em favor do redesenho da ordem pública, esvaziando a soberania popular e fortalecendo o papel moderador do Poder Judiciário.

Pagamos e pagaremos caríssimo por esse passo terrível. Oxalá sirva de lição: nenhuma medida que enfraqueça a supremacia do povo sobre as instituições pode ser aceita, sob quaisquer circunstâncias.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247