Ciro só não perde se for o vice de Lula

"Ciro tem que descer do pedestal, se convencer e convencer o seu partido que o melhor caminho é o PDT aliar-se ao PT. E também se convencer que, como o PT é muito maior e muito mais popular que o PDT, o que é notório, cabe ao seu partido e a ele o cargo de vice", defende o colunista do 247 Alex Solnik; "Se Ciro tem certeza que Lula será impedido pela ficha limpa, como disse hoje, mais uma vez, na hora em que isso acontecer ele, sendo vice de Lula, poderá assumir a cabeça de chapa e herdar automaticamente os votos que seriam de Lula. E provavelmente ganhar e governar juntamente com Lula"

"Ciro tem que descer do pedestal, se convencer e convencer o seu partido que o melhor caminho é o PDT aliar-se ao PT. E também se convencer que, como o PT é muito maior e muito mais popular que o PDT, o que é notório, cabe ao seu partido e a ele o cargo de vice", defende o colunista do 247 Alex Solnik; "Se Ciro tem certeza que Lula será impedido pela ficha limpa, como disse hoje, mais uma vez, na hora em que isso acontecer ele, sendo vice de Lula, poderá assumir a cabeça de chapa e herdar automaticamente os votos que seriam de Lula. E provavelmente ganhar e governar juntamente com Lula"
"Ciro tem que descer do pedestal, se convencer e convencer o seu partido que o melhor caminho é o PDT aliar-se ao PT. E também se convencer que, como o PT é muito maior e muito mais popular que o PDT, o que é notório, cabe ao seu partido e a ele o cargo de vice", defende o colunista do 247 Alex Solnik; "Se Ciro tem certeza que Lula será impedido pela ficha limpa, como disse hoje, mais uma vez, na hora em que isso acontecer ele, sendo vice de Lula, poderá assumir a cabeça de chapa e herdar automaticamente os votos que seriam de Lula. E provavelmente ganhar e governar juntamente com Lula" (Foto: Alex Solnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

   Ciro e Lula trocam farpas pela imprensa não por serem diferentes, mas por serem muito parecidos.

   Eles são os presidenciáveis mais consistentes do campo da esquerda.

   Ambos sabem disso e também sabem que unidos comporiam uma chapa quase imbatível.

   O x da questão é que Ciro não quer ser o vice de Lula, nem Lula o vice do Ciro.

   Claro que é uma guerra de vaidades.

   Ciro tem que descer do pedestal, se convencer e convencer o seu partido que o melhor caminho é o PDT aliar-se ao PT.

   E também se convencer que, como o PT é muito maior e muito mais popular que o PDT, o que é notório, cabe ao seu partido e a ele o cargo de vice.

   Nenhum problema nisso. Se Ciro tem certeza que Lula será impedido pela ficha limpa, como disse hoje, mais uma vez, na hora em         que isso acontecer ele, sendo vice de Lula,  poderá assumir a cabeça de chapa e herdar automaticamente os votos que seriam de Lula.

   E provavelmente ganhar e governar juntamente com Lula.

   Se Lula não for impedido e eleito, Ciro, como vice, poderá cumprir importantes missões para construir com Lula um país soberano e próspero. Não será decorativo nem traíra.

   Ciro precisa de um grande partido. O PT, talvez, precise de um Ciro.

   Caso Ciro teime em tentar se eleger presidente por um partido sem capilaridade nacional, como o seu vai perder com certeza.

   A sua única chance de não perder é se aliar a Lula.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247