Dallagnol tornou-se garoto-propaganda?

Perguntar não ofende-1: Após ganhar muita grana com suas palestras sobre a Lava-Jato, Deltan Dallagnol agora divulga a “escola de política” RenovaBR, que é financiada por celebridades midiáticas, entre elas o candidato global Luciano Huck, e expoentes da cloaca burguesa. Virou garoto-propaganda?

Procurador Deltan Dallagnol
Procurador Deltan Dallagnol (Foto: José Cruz/Agência Brasil)

Perguntar não ofende-1: Após ganhar muita grana com suas palestras sobre a Lava-Jato, Deltan Dallagnol agora divulga a “escola de política” RenovaBR, que é financiada por celebridades midiáticas, entre elas o candidato global Luciano Huck, e expoentes da cloaca burguesa.

Virou garoto-propaganda?

Na semana passada, o procurador Dallagnol postou em seu Twitter elogios à iniciativa empresarial.

“O curso do RenovaBR hoje é referência na preparação de futuros candidatos”, bajulou o jagunço do powerpoint.

Em 2018, a Renova elegeu 17 deputados.

Agora tem a ajudinha do chefão da Lava-Jato

Perguntar não ofende-2: Onyx Lorenzoni, o ministro da Casa Civil do laranjal bolsonariano, já pagou os direitos trabalhistas da ex-cuidadora de sua mãe, dona Dalva?

Ele foi processado e negociou em agosto passado o pagamento de R$ 60 mil a Simone Espindola.

Já saldou sua dívida?

Segundo notinha do UOL, “o valor de R$ 60 mil será uma reparação por danos morais, FGTS, férias não pagas e intervalos de descanso não respeitados, além de outras obrigações trabalhistas em falta. O caso corre na 15ª Vara do Trabalho de Porto Alegre”.

Onyx já revolveu a pendenga?

Perguntar não ofende-3: Em março de 2019, Mônica Bergamo informou que “a Justiça condenou o promotor Cassio Roberto Conserino a pagar R$ 60 mil ao ex-presidente Lula por danos morais”.

O fascistinha metido a justiceiro já pagou a dívida?

Ou a Justiça simplesmente esqueceu o caso?

Em 2016, Cassio Conserino postou no Facebook imagem em que Lula era definido como “encantador de burros”.

Para o juiz Anderson da Cruz, o promotor teve a “nítida intenção de humilhar, menoscabar e desprezar” Lula ao publicar imagem com conteúdo “ofensivo, pejorativo e injuriante”

Perguntar não ofende-4: Como anda o inquérito aberto em novembro pelo MPF para investigar o uso irregular de fundos do gabinete do deputado Tiririca em viagens particulares?

Eleito por SP, ele teria gasto no ano passado R$ 57.800 em 54 passagens aéreas ao Ceará, onde nasceu

Em 2017, Tiririca fez seu primeiro e último discurso na Câmara Federal e jurou que não tentaria a reeleição porque estava “decepcionado” e com “vergonha” da política.

Em 2018, ele esqueceu a promessa e se candidatou pelo PL, obtendo quase meio milhão de votos.

É muita palhaçada!

Perguntar não ofende-5: Em novembro, o senador Jaques Wagner (PT-BA) pediu à PGR que investigasse o secretário da Pesca, Jorge Seif, por recomendar o consumo de peixe contaminado.

Entre outras besteiras, ele disse que “peixe é bicho inteligente. Quando vê mancha de óleo, ele foge”

Criticado pelas babaquices, Jorge Seif ainda tuitou: “Alguém tem registro de cardumes suicidas se jogando para dentro da mancha de óleo?”.

Ao acionar a PGR, Jaques Wagner taxou as bravatas de “incompatíveis com o cargo público”.

Daí a pergunta: o secretário da Pesca foi punido?

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247