De minha janela, à beira da depressão, duas notícias me dão alento contra a morte e o desatino

Que venham muito mais boas notícias, que iniciativas como estas se frutifiquem, pois já estamos cansados de vermos milhares de pessoas morrerem nas mãos de governos de extrema-direita. E eles estão dominando o mundo pelo medo. A morte, para estes extremistas, é o seu principal produto

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Com tanta tragédia, mortes em verdadeiro número de pestes e com um louco do mal nos comando do navio, procuramos notícias que apontem para o fim dos descalabros ou o começo do combate aos mesmos. Como descalabros, nomeio igualmente Jair Bolsonaro e a inércia no combate ao Covid-19. Pois bem, nesta segunda-feira acordo depois de saber da morte de um amigo por Covid-19, de outros em hospitais em suas causas lutando contra o mal, sequioso por boas notícias para não cair na depressão. Encontro duas: o texto publicado na Folha de S. Paulo por integrantes da Comissão Arns, sob o título “O presidente perdeu a condição de governar” e outro, publicado originalmente no El País, sobre o Matt Rivitz, o publicitário que está combatendo com sucesso a mídia que alimenta a extrema-drieita nos EUA e Europa. As duas notícias tem tudo a ver uma com a outra, pois é a extrema direita cúmplice, comparsa do Covid-19.

De tanto vermos atrocidades cometidas em jorros por Jair Bolsonaro e sua trágica trupe, sempre nos perguntamos: onde estão as personalidades do mundo político, jurídico, artístico e de tantos outros mundos que nada fazem para parar com tudo isso?

O povo, dentro do possível, tem feito “barulhaços”, “panelaços”, “janelaços” e outros “aços” em seu quadrado, na quarentena., tem se emaranhado nas ditas redes sociais para denunciar que estamos morrendo e o governo federal está contribuindo para isso.  Torcemos para que, independente de coloração partidária, haja quem se insurja contra este ser do mal.

Pois bem, o texto, assinado pela Comissão Arns de Defesa dos Direitos Humanos, nos dá um alento. Esperamos que outras personalidades se juntem a José Carlos Dias, Claudia Costin, José Gregori, Luiz Carlos Bresser-Pereira, Paulo Sérgio Pinheiro e Paulo Vannuchi. Precisamos de estímulo, incentivo, iniciativas para que não assistamos ou morramos, vendo de nossas janelas o Brasil se desmoronar em desatinos.

Já a iniciiativa de Matt Rivitz, que criou uma conta no Twitter para denunciar a anunciantes que seus produtos estão sendo publicados em sites da extrema direita, está dando ótimos resultados. Se intitulando “um movimento para tornar o fanatismo e o sexismo menos lucrativos”, a conta “Sleeping Giants” está causando prejuízos de milhões de dólares aos extremistas fascistas nos Estados Unidos e na Europa.

Matt Rivitz vai no fundo da questão ao atacar as empresas Facebook e Google. Vejam este trecho do texto do El País: “Esse tipo de publicidade é uma farsa. Os anunciantes precisam de ferramentas que forneçam transparência para encontrar conteúdos de qualidade”, destaca Rivitz. O publicitário critica o Facebook e o Google porque, apesar de terem grande capacidade de bloquear e eliminar esses conteúdos, priorizam, segundo ele, as visualizações e os ganhos, em vez da qualidade e do compromisso de fazer com que a Internet seja um espaço mais seguro. “Essas duas empresas, que têm o duopólio e são mais poderosas do que muitos Governos, causam enormes danos controlando e manipulando algoritmos. Parece que ninguém as obriga a prestar contas.

Que venham muito mais boas notícias, que iniciativas como estas se frutifiquem, pois já estamos cansados de vermos milhares de pessoas morrerem nas mãos de governos de extrema-direita. E eles estão dominando o mundo pelo medo. A morte, para estes extremistas, é o seu principal produto.

Como diz o texto dos integrantes da Comissão Arns: “Enquanto o país vive um calvário, Jair Bolsonaro insufla crises entre os Poderes. Baixa atos administrativos para inibir investigações envolvendo a sua família (…) Não há como aceitar um governante que ouve apenas radicais fanáticos, ressentidos e manipuladores, obcecado que está em exercer o poder de forma ilimitada, em regime miliciano-militar que viola as regras democráticas e até mesmo o sentido básico da decência”.

Basta!

Abaixo, a íntegra dos dois textos:

https://bemblogado.com.br/site/o-presidente-perdeu-a-condicao-de-governar/

https://bemblogado.com.br/site/o-homem-que-arruinou-a-extrema-direita-nos-eua/

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247