Haddad venceria eleição se dados do Coaf vazassem quando Bolsonaro ficou sabendo deles

Agora, seu governo já começa manco, porque foi atingido no coração do seu sistema, o discurso do combate à corrupção

Haddad venceria eleição se dados do Coaf vazassem quando Bolsonaro ficou sabendo deles
Haddad venceria eleição se dados do Coaf vazassem quando Bolsonaro ficou sabendo deles (Foto: Ricardo Stuckert | ABr)

Os dados vazados do relatório do Coaf podiam ter mudado o resultado das eleições presidenciais se divulgados na data que o presidente eleito e seu filho provavelmente tiveram acesso a eles.

A data é 15 de outubro. Ou alguns dias antes. Foi neste dia, a menos de duas semanas para a eleição do segundo turno, que o motorista Fabrício de Queiroz se desligou do gabinete de Flávio Bolsonaro. E na mesma data, a filha de Fabrício, Nathalia Queiroz, deixou o gabinete de Jair Bolsonaro, onde foi nomeada em dezembro de 2016 para atuar como secretária parlamentar.

Leia a íntegra na Revista Fórum.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247