Lula chega aos 75 anos julgado pelo STJ viciado em injustiças e política de baixo calão — Lula Day!

Parabenizo o Lula por jamais se deixar ser cooptado pela burguesia, como foram inúmeros presidentes, que cometeram crimes de corrupção e estão hoje lépidos e fagueiros a andar por aí e a emitir opiniões como se as pessoas os ouvissem

(Foto: Ricardo Stuckert)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Inicio este artigo a parabenizar um dos maiores e mais importantes políticos que parte deste País atrasado, pois ocupado militarmente e economicamente pelos interesses da burguesia escravocrata, que tomou o poder por intermédio de um golpe de estado terceiro-mundista, em 2016, não o reconhece como estadista, sendo que ele o é, além de ser profundo conhecedor da vida e do Brasil.

Parabenizo um dos políticos históricos deste País que é portador de plena resiliência, que se transforma em resistência digna dos brasileiros que nasceram sem nada para comemorar, porque sem acesso ao mínimo para sobreviver dignamente.

Parabenizo Luiz Inácio Lula da Silva, líder político e social conhecido mundialmente e reconhecido até pelos seus inimigos como um homem disposto a lutar pela cidadania e a democracia, a considerar as igualdades de oportunidades como instrumentos essenciais para que uma sociedade se torne desenvolvida.

Parabenizo o Lula por ele lutar por essa questões tão caras à humanidade e, exatamente por causa delas, ser perseguido por grupos recalcitrantes e totalmente desprovidos de empatia pelo povo brasileiro, a demonstrar empáfia, arrogância, prepotência e a lutar para que o Brasil não faça sua revolução de desenvolvimento social e econômico.

Parabenizo o Lula que foi encarcerado injustamente por patifes associados em um golpe contra o Brasil e seu povo, que agem como hienas nos tribunais comuns, nas altas cortes e no ministério público, bem como nas polícias e nas Forças Armadas, a compor um consórcio de direita mancomunado com a imprensa de mercado mais corrupta do mundo ocidental.

Parabenizo o presidente que saiu do poder com quase 90% de aprovação, além de ser tratado como estadista pelos principais mandatários do mundo civilizado e dos países que lutam para se desenvolver com dignidade em luta constante, e mais do que centenária, contra suas próprias “elites” retrógadas e violentas que enxergam o futuro pelo espelho retrovisor.

Parabenizo o Lula, fundador do maior partido de esquerda da América Latina e talvez do mundo ocidental, o Partido dos Trabalhadores (PT), assim como o é também um dos fundadores da Central Única dos Trabalhadores (CUT), corajosa e determinada central, que há décadas defende os interesses dos trabalhadores.

A destemida Central que hoje enfrenta um governo militarista e entreguista, pária dos EUA, e liderado pelo presidente fascista, Jair Bolsonaro, cujo primeiro ato de má-fé, dos milhares que esse sujeito já cometeu no poder, foi extinguir o Ministério do Trabalho, a demonstrar, sem sombra de dúvida, o seu desprezo pela classe trabalhadora, a mesma que sustenta os seus patrões, que são os inquilinos da plutocracia internacional e nacional.

Parabenizo o Lula que ficou preso injustamente a mando de cafajestes ensandecidos pelo ódio de classe e preconceito político e ideológico, que até hoje, após seu surreal encarceramento, continuam a persegui-lo covardemente e sem descanso, pois querem impedir a qualquer preço que ele reconquiste seus direitos civis, mesmo se o preço for expor ao mundo seus maus caracteres.

Querem impedir que o Lula se reporte à população, faça política, caminhe pelo Brasil e, principalmente, explique o que está acontecer no País e, com efeito, resolva ser candidato a presidente da República. Por isso, interditar o Lula politicamente é o que apenas importa e interessa à canalha, que se refestela como uma matrona, com o Brasil somente para servir aos interesses dos ricos, o País para poucos e apenas para eles.

Enquanto isso, o maior presidente da história, saído das entranhas do povo brasileiro está a ser julgado hoje pelos fariseus do Poder Judiciário, que se negam a fazer justiça e se aproveitam de seus cargos públicos de poder e mando, com altos salários e mordomias pagos pelos contribuintes deste País de povo pobre, para realizar ações deletérias e persecutórias, mesmo sabendo que Lula é inocente, porque não cometeu crimes e, consequentemente, não tem de provar nada.

Os juízes de punhos de renda e divorciados das demandas e necessidades da população sabem disso, mas se comportam politicamente como agiotas da Lei, miseravelmente a serviço da burguesia nacional e de países estrangeiros, notadamente os Estados Unidos, de forma a manter Lula sob desumana pressão, para que ele não possa respirar e dar continuidade à sua vocação política, que tem por fundamentos enraizados a democracia e a cidadania.

E tudo isso é o que a Justiça mais pusilânime, covarde, elitista e preconceituosa do mundo, além de inigualavelmente parcial e partidária, tem para oferecer à nação e a dezenas de milhões de brasileiros, que sabem e compreendem que o Lula não cometeu malfeitos, mas sim a Lava Jato e seus algozes do Brasil e da democracia, com a aquiescência e cumplicidade do Supremo Com Tudo (SCT), que vem a ser, lembro incansavelmente, a vergonha, o vexame e a desgraça do Brasil!

Entretanto, aproveito o ensejo para publicar neste artigo a mensagem do leitor Miranda, a seguir:

“O STF é o responsável por tudo que está acontecendo de ruim no Brasil de hoje. Senão, vejamos: 1) o STF poderia ter evitado o golpe. Evitou? Não; 2) o STF poderia ter evitado a prisão de Lula. Evitou? Não. 3) o STF poderia ter evitado a eleição de Bolsonaro, com base nas fake news. Evitou? Não; 4) o STF poderia ter evitado a continuidade do governo Bolsonaro, diante de vários crimes de responsabilidade cometidos. Evitou? Não. Então, o STF é sim o maior (se não o único) culpado por tudo que o Brasil está enfrentando com esse governo psicopata-miliciano-torturador-genocida. Brasil, um puteiro jurídico! Um país sem qualquer futuro!”.

Exatamente, o leitor Miranda vai ao encontro do que muitos brasileiros pensam sobre essa Justiça canalha e que envergonha a Nação com seu servilismo aos interesses da casa grande escravocrata, além de perseguir ao invés de combater a perseguição. Uma Justiça de fariseus que julgam hoje um homem inocente que não cometeu crimes, bem como seu patrimônio não deixa dúvida de ser um homem de classe média, sem contas no exterior, joias, mansões, aplicações em bancos, fazendas, empresas e automóveis de luxo.

Parabenizo o Lula por jamais se deixar ser cooptado pela burguesia, como foram inúmeros presidentes, que cometeram crimes de corrupção e estão hoje lépidos e fagueiros a andar por aí e a emitir opiniões como se as pessoas os ouvissem. E os juízes a se recusar em tirar a venda dos olhos da Justiça para que ela veja os verdadeiros ladrões, muitos deles agora no poder, a tratar a Justiça como seu braço para oprimir políticos da grandeza de Lula.

Lula, sim, é ouvido e respeitado aqui e lá fora. Por isto, o “Lula Day” em todo o mundo e no Brasil, a parabenizá-lo pelos seus 75 anos, uma vida destinada a tratar das questões do Brasil e do exterior, porque Lula viajou e viajou e conversou e conversou e trabalhou e trabalhou junto aos países e seus mandatários para melhorar o mundo e as condições de vida da humanidade.

Lula chega aos 75 anos julgado pelo STJ viciado em injustiças e política de baixo calão.

Lula é resistência e resiliência.

Lula é igualdade de oportunidades.

Lula é esperança.

Lula é democracia.

Parabéns ao Lula!

É isso aí.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247