Lula é o centro e Ciro não é a terceira via, pois quinta coluna

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

"Quem vai ter que se explicar agora é o Lula, porque vou para cima dele. Vamos derrotar Bolsonaro e vou propor mudança. Lula é parte central da corrupção. Lula é o maior corruptor da história moderna brasileira. E não aprendeu nada. Fica na lambança, prometendo a volta de um passado idílico que é mentira”. (Ciro Gomes a destilar veneno e mentiras em entrevista no jornal Valor sobre Lula, que teve suas condenações ilegais e injustas anuladas pelo STF)

“Ciro e outros pensam diferente. Acham que é importante também bater no Lula para furar o bloqueio entre os dois. Eu não penso assim. Acho que o importante agora é salvar o Brasil de Bolsonaro. Numa segunda etapa, a gente faria o enfrentamento com Lula, no substantivo, apresentando um projeto de governo que a gente acredita ser melhor do que o dele. Mas cada um tem o direito de pensar diferente. É a cabeça dele. Eu respeito, mas penso diferente”. (Carlos Lupi, presidente nacional do PDT ao comentar os ataques virulentos de Ciro Gomes a Lula)

Ciro quanto mais envelhece recrudesce sua boçalidade de linguajar pseudointelectual e alma arrivista. Seu pensamento se torna tosco quando ele envereda pelas veredas da mentira e da falácia, a dissimular e distorcer os fatos e episódios acontecidos com o Lula, a tergiversar e negar que o ex-presidente foi vítima da maior e mais cruel perseguição política e jurídica a um homem público na história do Brasil, mais até do que Getúlio Vargas e Leonel Brizola.

O ego de Ciro Gomes é a própria vaidade humana, pois a grassar o encantamento de Narciso por si próprio, porque irremediavelmente hedonista, mas que, fundamentalmente, espelha a soberba, a prepotência e a arrogância dignas de um senhor de engenho dos tempos coloniais.

A verdade é que Ciro, o Cavalo de Tróia da direita infiltrado há décadas na esquerda, sente inveja tão arrebatadora por Lula, que o transforma em um pária político, que perde a noção da conjuntura e da realidade político-eleitoral do País, além de negar perversamente o respeito devido a quem foi ferozmente injustiçado e perseguido, que é o caso real de Lula. Porém, Ciro optou por também assumir o papel de carrasco.

Ciro tem todo o direito de se candidatar a presidente da República, fazer oposição a Lula e ao PT por meio de críticas e propostas, mas jamais deveria se assemelhar à direita e à extrema direita, que primeiro deram um golpe de estado contra Dilma Rousseff travestidos de legal e legítimo, para logo depois perseguir Lula, afastá-lo do processo eleitoral e, com efeito, levá-lo ao encarceramento, a transformá-lo em preso político de membros do Estado, que resolveram praticar o Lawfare, que tem por finalidade efetivar perseguições políticas por intermédio do Direito.

Ciro Gomes sabe disso tudo, leu matérias do Intercept Brasil e sabe o que é a Operação Spoofing da Polícia Federal, que jogaram por terra toda a farsa e a fraude que foi a prisão de Lula causada por criminosos, verdadeiros delinquentes, que se concentraram em Curitiba e transformaram a 13ª Vara Federal em um antro de patifes e canalhas, que induziram outros tribunais a ratificar as decisões esdrúxula e metodicamente parciais e políticas de Sérgio Moro.

Exatamente, o Moro, um juizeco de província, farsesco, armador de fraudes e trapaças e mancomunado ao MP de Deltan Dallagnol et caterva, que foi o autor do powerpoint leviano, mentiroso e criminoso com o propósito de desmoralizar e demonizar os governos de Lula e pavimentar o caminho para sua prisão, fato este lamentavelmente ocorrido e que chamou a atenção de governos de inúmeros países e dos órgãos internacionais, com denúncias e campanhas pela liberdade de Lula. Porém, Ciro "esqueceu" tudo isso...

Sabe o que é, cara pálida? Ciro tem problema grave de memória, além de sua conveniência política e pessoal, que o leva a radicalizar seus gestos e palavras, a favorecer o lado da direita e da extrema direita, que ficam a debochar de Ciro, porque, definitivamente, não confiam nele e sabem muito bem que a terceira via que o político cearense quer ser para ocupar espaço eleitoral não é viável, porque não existe. Ponto!

Terceira via é embuste e uma "doce" ilusão do candidato do PDT a presidente, que já foi filiado em sete partidos. Isto mesmo. Sete partidos! "Coerência" na veia, não é camarada? E agora enfrenta reação dentro da própria sigla por causa de sua conduta irascível e desproporcional contra Lula, enquanto o extremista de direita, Jair Bolsonaro, é preservado por Ciro Gomes, a quem ele ajudou a chegar ao poder central em detrimento de Fernando Haddad (PT) no segundo turno das eleições, porque resolveu ir a Paris do que apoiar Haddad e, com efeito, entrar para a lixeira da história.

Por sua vez, como disse há pouco, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, afirmou em entrevista à imprensa de mercado que discorda das ações de Ciro Gomes e de sua agressividade contra Lula, razão pela qual muitos políticos e eleitores do campo da esquerda repudiam Ciro Gomes que, evidentemente, não terá a companhia dos moderados de centro direita, pois estão propensos a aderir a candidatura Lula, pois as palavras e atos de Ciro até agora são patéticos, assim como são deletérios seus métodos para atrair a direita, que está insatisfeita com os rumos da economia no governo de Bolsonaro.

Como se observa, Ciro Gomes não ponderou e agiu como um destrambelhado de caráter bolsonarista, porque a intenção dele é atacar o Lula com discurso violento próximo ao de Bolsonaro, pois é o que se vê, a despeito das razões que fizeram o ex-presidente ser perseguido de uma forma tão sórdida e impiedosa por parte de membros da Justiça e do MPF, que, na verdade, optaram por fazer política da maneira mais infame possível, como o foi posteriormente mais do que comprovado pela Vaza Jato, que deixou a Lava Jato no limbo. E Ciro sabe disso, como sempre soube.

Ciro preferiu fazer política por meio da farsa e da agressividade que o leva a insultar, e, consequentemente, apostar em sua aproximação com a direita de onde ele foi parido, no PDS, partido de sustentação da ditadura militar. A direita que também não confia em Ciro tanto quanto à esquerda. Porém, evidencia-se que Ciro, apesar de dizer ao Valor que quer tirar o Bolsonaro do segundo turno, porque então ele só ataca o Lula? Uai! O que é isso, companheiro?! Conversa pra boi dormir? Ciro, na verdade, está a servir como apêndice da direita e a cooperar para que o virtual candidato Lula seja demonizado e, quiçá, desmoralizado, o que não ocorrerá.

E por quê? Porque prudência e caldo de galinha não faz mal a ninguém e é dessa forma, passo após passo, degrau por degrau, que o Lula e o PT agirão para concretizar alianças à direita e à esquerda, e, consequentemente, colocarem-se no centro para vencer as eleições e dar fim a esse estado de coisas demoníaco e pesaroso em que se encontra o Brasil há quase dez anos, desde quando os golpistas de direita realizaram as primeiras micaretas nas ruas, depois efetivaram a deposição da presidente Dilma Rousseff, para, finalmente, prenderem por 580 dias o ex-presidente Lula, de forma que ele fosse impedido de participar das eleições de 2018.

A verdade é que a terceira via não existe no Brasil atual pelo simples fato de o País estar indelevelmente dividido desde 2013, o que inviabiliza o projeto idílico e desprovido de sustentação política de Ciro Gomes, que será castigado nas urnas e pagar preço alto por suas leviandades, iniquidades e injustiças, além dos seus erros graves e históricos, principalmente a partir do ano de 2018, apesar de ele nunca ter sido um político e candidato confiável por parte das esquerdas.

A realidade é que seu arrivismo se torna bárbaro por causa de sua ambição desmedida para ser presidente, mesmo com ínfimos 6%, de acordo com inúmeras pesquisas que colocam Lula na dianteira, à frente do protofascista Jair Bolsonaro. A verdade é que a direita, tanto empresarial quanto política conhece Lula, porque ele foi presidente durante oito anos, a realizar dois governos que obtiveram sucesso econômico e social, além de atender os segmentos empresariais, que nunca ganharam tanto dinheiro, bem como recebeu a sociedade civil organizada em toda sua diversidade, a criar programas e a efetivar projetos que também as beneficiaram em todos os sentidos.

A verdade é que o problema de Ciro Gomes são dois: 1- Terceira via não existe; e 2- Lula é o centro e o centro é o Lula, enquanto o Ciro não é a terceira via, pois quinta coluna. É isso aí.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email