Máfia na Câmara Legislativa

Áudios de escuta telefônica da Operação Drácon, revelados pelo Correio Braziliense, demonstram que a ex-presidente da Câmara Legislativa do DF, a deputada Celina Leão, do PPS, agia exatamente como chefe de uma organização criminosa, nos moldes da máfia siciliana

Áudios de escuta telefônica da Operação Drácon, revelados pelo Correio Braziliense, demonstram que a ex-presidente da Câmara Legislativa do DF, a deputada Celina Leão, do PPS, agia exatamente como chefe de uma organização criminosa, nos moldes da máfia siciliana.

Isso porque Celina não estava disposta apenas a receber propinas, a parlamentar cuidava de preparar dossiês para assassinar a reputação de adversários e até dos familiares de seus desafetos.

Na louca cavalgada em que se meteu para tentar desviar o foco das investigações que podem levá-la para a cadeia, Celina Leão decidiu montar uma máquina de calúnia e difamação contra mim, minha equipe de trabalho e, pior ainda, contra a minha família. Como uma mafiosa sem escrúpulos, colocou cães de guardas para levantarem mentiras contra meus filhos.

Isso, não vou deixar barato. Celina e sua tropa de capangas vão pagar, na Justiça, essa infâmia contra minha família. Porque não se trata apenas de crime, mas também de desumanidade.

Essa falta absoluta de escrúpulos e esse descaramento em querer me atingir de qualquer forma confirmam aquilo que tenho falado, noite e dia, na tribuna do Parlamento: a Câmara legislativa do DF estava nas mãos de uma chefe de quadrilha.

É preciso que o governador Rodrigo Rollemberg, ele mesmo, segundo a reportagem do Correio, vítima da arapongagem clandestina dessa gente, tome logo uma providência em relação a esses crimes, por meio da Polícia Civil. Em meio às escutas, ficou constatado, por exemplo, que Celina Leão recebeu Jefferson Rodrigues Filho, responsável por ter invadido e clonado o celular do governador, com o objetivo de chantagear o governo.

De minha parte, irei também recorrer à Justiça contra uma ex-funcionária de meu gabinete, recrutada para as atividades criminosas de Celina Leão, que me acusa de tê-la demitida quando estava em tratamento de câncer. É uma mentira deslavada, típica de quem se vende à máfia.

Porque a lama dessa gente não me atinge, e a luta me fortalece, sempre.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247