MBL e “Vem Pra Rua” não conseguem mais iludir ninguém

Agora, testemunhamos o sentimento de decepção dos “coxinhas” que perceberam que, na verdade, não passaram de “trouxinhas” iludidos que foram por esses grupos de extrema direita que não lutaram contra a corrupção. Na verdade, lutaram contra a corrupção dos outros e, não, contra a própria corrupção

Rio de Janeiro - Manifestantes protestam na praia de Copacabana, na manhã de hoje (4), a favor da Lava Jato e do juíz Sergio Moro. (Tomaz Silva/Agência Brasil)
Rio de Janeiro - Manifestantes protestam na praia de Copacabana, na manhã de hoje (4), a favor da Lava Jato e do juíz Sergio Moro. (Tomaz Silva/Agência Brasil) (Foto: Chico Vigilante)

A imprensa brasileira, nesta sexta-feira (19), noticia que o “Movimento Brasil Livre” (MBL) e o “Vem para Rua” recuaram na manifestação que iriam fazer contra o golpista Michel Temer e que já vinham convocando pelas redes sociais.

Esses são um dos principais responsáveis pelas manifestações que culminaram com a queda da presidenta democraticamente eleita, Dilma Rousseff. Uma mulher honeste e contra a qual não foi atribuída nenhuma prova. Seja, um arquivo de áudio, um vídeo, uma assinatura.

No meu ponto de vista, eles recuaram porque perceberam que não conseguiriam mais enganar os brasileiros com suas falácias. A grande maioria das pessoas que participaram das manifestações lideradas por eles tomaram consciência de que foi iludida por estes verdadeiros picaretas.

Na verdade, eles se aliaram com a extrema direita brasileira, liderado pelo próprio Michel Temer, e sua quadrilha, e pelo presidente da Fiesp, Paulo Skaf, que representam o que há de mais podre e corrupto no país. Liderados por um pato, eles foram às ruas, financiados pelo capital financeiro e industrial, para acabar com a Dilma e o PT. Nunca foi contra a corrupção.

Agora eles recuaram. Eu afirmo: eles não farão manifestações porque fazem parte da mesma quadrilha que tomaram o país de assalto. A direita tem lado. Querem apenas destruir as conquistas que os trabalhadores tiveram nos últimos anos. Por isso são fieis defensores das reformas trabalhista e da Previdência.

O povo “caiu na real” e abriu os olhos para as reais intenções destes movimentos. Milhares de pessoas que vestiram a camisa verde e amarela, cores que representam a entidade mais corrupta do país (CBF) estão desiludidas.

Agora, testemunhamos o sentimento de decepção dos “coxinhas” que perceberam que, na verdade, não passaram de “trouxinhas” iludidos que foram por esses grupos de extrema direita que não lutaram contra a corrupção. Na verdade, lutaram contra a corrupção dos outros e, não, contra a própria corrupção.

Essas pessoas, que foram iludidas, têm que vir para a rua com os trabalhadores, no próximo dia 24.

Este é um bom exemplo dos métodos que a direita usa para com o povo. Ilude, usa e depois descarta. Usaram as pessoas como se faz com laranja: chuparam o suco e jogaram no lixo o bagaço.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247