O Brasil não merece um Bolsonaro

O Brasil corre, efetivamente, o risco de ter um Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, por conta dos anencéfalos produzidos pela mídia e pelas redes sociais, que se deixam conduzir sem raciocinar pelo ódio que envenenou parte da população

Deputado federal Jair Bolsonaro (PSC)
Deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) (Foto: Ribamar Fonseca)

O Brasil está voltando, de maneira acelerada, para o período anterior a Getúlio Vargas, quando não existia a CLT, Justiça do Trabalho, Previdência Social, Petrobrás e toda a estrutura que permitiu ao país dar um salto para o futuro. Além da destruição das conquistas da era Vargas, o governo produzido pelo golpe está, também, desmontando os avanços realizados nos governos petistas, que retiraram 40 milhões de brasileiros da linha de pobreza e o país do mapa da fome. O vertiginoso retrocesso está nos levando de volta ao passado, à humilhante condição de país subdesenvolvido, colônia dos Estados Unidos, situação que começou a ser desenhada no governo FHC e se consolida sob a gestão desastrosa de Michel Temer. Com a recessão se aprofundando, o desemprego aumentando e a fome já rondando os lares dos brasileiros que voltaram à pobreza esta grande nação do Continente Sul-Americano, até pouco tempo respeitada e admirada pelas potências mundiais, já perdeu o respeito e até a liderança dos países vizinhos.

Dizem que todo povo tem o governo que merece. O Brasil, porém, não merece esse governo que se instalou por conta de um golpe perpetrado com o apoio do Congresso, do Judiciário e da mídia. Quem na verdade merece esse governo são todos os que aprovaram o impeachment, os que saíram às ruas de camisa amarela e carregando faixas pedindo a saída de Dilma, aqueles que espancaram panelas em varandas gourmês, os que carregavam bonecos infláveis representando Lula vestido de presidiário, os que adoravam o pato da Fiesp, os que destilaram veneno nas redes sociais, entre outros. Eles merecem o aumento da gasolina e todos os aumentos daí decorrentes, merecem o corte dos investimentos na educação e saúde, o desemprego, a insegurança, etc. Infelizmente, porém, os que não merecem, que não contribuíram para essa dolorosa situação, que defenderam o governo Dilma, também estão sofrendo as consequências dos desmandos desse governo ilegítimo. E por conta da burrice, do ódio, da falta de amor ao país e da irresponsabilidade dos “coxinhas” ainda corremos o risco de ter no futuro próximo um Bolsonaro como Presidente.

Transformaram o Brasil num país de idiotas e de mentirosos, que produz lideranças como as de Kim Kataguiri, um jovem esperto e oportunista, sem nenhum compromisso com a nação e seu povo, que usou parte da população imbecilizada pela mídia como massa de manobra para atingir seus objetivos pessoais e do grupo que fundou, o MBL, que hoje tem cargos públicos em vários lugares. Através das redes sociais, ele dava as ordens e os abestados obedeciam cegamente, contribuindo para essa situação desastrosa em que o país foi mergulhado. Apoiado pela mídia, satisfeita porque ele fazia o seu jogo, Kataguiri, como prêmio por sua atuação no processo golpista, chegou a ser contratado pela “Folha” como colunista e recentemente foi convidado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro para dar palestra num encontro sobre segurança pública. Um país que tem Kataguiri como uma de suas lideranças realmente não pode merecer o respeito de ninguém.

O mais grave está por vir. O Brasil corre, efetivamente, o risco de ter um Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, por conta dos anencéfalos produzidos pela mídia e pelas redes sociais, que se deixam conduzir sem raciocinar pelo ódio que envenenou parte da população. Até agora não se conhece a bandeira do candidato do PSC, que se tornou conhecido por ser homofóbico, por defender o estupro de mulheres e por se considerar um especialista em matar. Em suas fotos aparece apontando os dedos como se fossem armas. Foram essas “qualidades” que sensibilizaram os seus eleitores? Como entender o fato de, por exemplo, aparecer empatado com Lula numa pesquisa de intenção de votos realizada em Belo Horizonte? Aparentemente Bolsonaro é subproduto da Operação Lava-Jato, que colocou todos os políticos no mesmo saco de corruptos. Seu destempero verbal e sua agressividade parece que agradam aqueles que não tem absolutamente nada na cabeça, além de esterco. Um país com líderes como esse só merece mesmo um Temer como Presidente.

Temer, aliás, que continua gastando o dinheiro público para manter-se no poder, ao mesmo tempo em que aumenta impostos para tapar o rombo – procedimento que, surpreendentemente, passou a ser visto com naturalidade – deve imaginar que derrotando a denúncia de Janot na Câmara estará absolvido dos crimes que lhe são imputados. Será que vale a pena tanto empenho para manter-se num cargo onde vive em permanente tensão? Será por ambição ou pura vaidade manobrar tanto para permanecer no Planalto mesmo ridicularizado e desmoralizado? Ou será pelo medo de, fora do cargo, ser preso e levado para a Papuda? Seja como for, o fato é que mais cedo ou mais tarde ele terá de deixar a Presidência. E aí? Quando isso acontecer vai homisiar-se onde para escapar da Justiça? Na Lua??

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Liberdade aos cracudos e aprisionamento do cidadão? Uma Justiça de valores invertidos...
Frei Betto

Drogas e religião

Um pouco mais de espiritualidade cultivada nas famílias, sobretudo em crianças e jovens, e não teríamos tanta vulnerabilidade à sedução das drogas.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247