O Brasil que os brasileiros querem

A rede “esgoto do lixo” de televisão, a Globo, lançou uma campanha para o povo mandar um vídeo para a sua emissora para ser exibido nos telejornais com o tema: Que Brasil você quer para seu futuro? A elite “branca da Casa Grande” está fazendo o povo brasileiro (com perdão das palavras) de besta e os chamando de ótarios

A rede “esgoto do lixo” de televisão, a Globo, lançou uma campanha para o povo mandar um vídeo para a sua emissora para ser exibido nos telejornais com o tema: Que Brasil você quer para seu futuro? A elite “branca da Casa Grande” está fazendo o povo brasileiro (com perdão das palavras) de besta e os chamando de ótarios
A rede “esgoto do lixo” de televisão, a Globo, lançou uma campanha para o povo mandar um vídeo para a sua emissora para ser exibido nos telejornais com o tema: Que Brasil você quer para seu futuro? A elite “branca da Casa Grande” está fazendo o povo brasileiro (com perdão das palavras) de besta e os chamando de ótarios (Foto: José Rainha Júnior)

A rede “esgoto do lixo” de televisão, a Globo, lançou recentemente uma campanha eleitoral onde o povo brasileiro, cidadãos de todos os recantos do país, mandem um vídeo para a sua emissora para ser exibido nos telejornais e em sua programação diária com o tema: Que Brasil você quer para seu futuro? A elite “branca da Casa Grande” está fazendo o povo brasileiro (com perdão das palavras) de besta e os chamando de ótarios, porque os vídeos que são exibidos são os vídeos daqueles despolitizados e analfabetos políticos, cujo acham que política é coisa só de ricos. São os anestesiados com os programas enlatados do lixo que a Globo leva todos os dias para os lares do povo. Cadê os vídeos que mostram a nossa verdadeira realidade da miséria, da fome, dos miseráveis que vivem debaixo dos viadutos, dos negros e das mulheres discriminadas, dos índios que são dizimados das suas etnias todos os dias? Esse Brasil dificilmente irá ao ar. E uma certeza que jamais será publicada, é o vídeo falando do querer uma reforma política do Estado, pois alguém já deve o ter feito e não deve ter passado na “censura” antes de ir ao ar.

O Brasil que nós lutamos e queremos vamos ter que construir com muita luta da classe trabalhadora, com muitas ocupações de terras para acabar com os latifúndios, com as ocupações urbanas para ter moradia digna, com as greves dos operários para garantir seus direitos, com os excluídos se reconhecendo como tal e com toda sociedade que almeja a justiça e igualdade.

O Brasil que nós queremos é aquele que respeite a Constituição cidadã, que reconheça os princípios da justiça antes de aplicar as leis e não a interpretação ideológica como fazem muitos juízes, promotores e procuradores públicos. Da maneira que o fazem e logicamente de propósito, criam espetacularizações nas TVs, rádios e jornais todos os dias, porque sabem que a maioria da população ainda não conseguem fazer uma leitura clara das reais intenções; é o que chamamos de alienação. Queremos um policiamento nas ruas que respeite e tenha o respeito do cidadão, que aplique a constituição e não corja assassina, corrupta, desiquilibrada e desqualificada. Um Brasil sem o preconceito contra os negros, índios, mulheres, que respeite as diferencias religiosas, de sexo, cor e raça, que respeite o ser humano como ele é e não por aquilo que ele tem ou veste.

O Brasil que todos nós queremos, é um país onde seja respeitado o meio ambiente, a fauna e a flora, que a terra seja dividida a todos que pretendem morar e trabalhar, que todas as nossas riquezas naturais sejam de fato um patrimônio do povo brasileiro e não um parque ou reserva dos estrangeiros. O que queremos é soberania e não entreguíssimo ao Império Americano.

O Brasil que nós queremos não é o das eleições manipulada pelos Institutos de Pesquisa a serviço da elite. É preciso que o Poder Judiciário do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) trabalhe para se fazer a justiça de verdade sem manipulação para preservar os direitos dos partidos da elite racionaria e punir os de esquerda e progressistas. Que trabalhe para punir os verdadeiros políticos corruptos que roubaram os bilhões dos cofres públicos para pagar os juros aos banqueiros e encher os cofres do FMI (Fundo Monetário Internacional). Queremos um país onde a propriedade da terra seja coletiva e os pequenos agricultores tenha valores e orgulho para que o alimento que vai a mesa de nosso povo seja saudável e natural sem agrotóxico. Queremos viver e se divertir nas praças e ruas sem ser atingidos pelas balas assassinas da PM mal preparada que mata milhares de inocentes todos os dias nas cidades grandes. Que todos vivam sem a violência e sem as chacinas que matam homens, mulheres e crianças em um conflito na disputa das terras que pertence ao povo que luta pela reforma agrária, pelo pedaço de chão para plantar e viver com dignidade com seus filhos. Sem crianças abandonadas nas ruas, com escola para todos e salário digno aos professores que dedicam toda sua vida para educar a nossa população e nunca foram valorizados. Onde os nossos idosos possam ter um lugar para descansar em paz com dignidade e não abandonados a morrer jogados no meio das ruas nas condições de mendigo.

O Brasil que todos nós queremos  é aquele sem emissoras de TVs manipuladoras em prol ideológico, sem um governo fantoche como o Temer e toda sua quadrilha, sem este Judiciário “dos Mouros” a serviço da casa grande e toda elite branca do regime Apartheid, sem os Promotores e Procuradores fascistas,  sem a extrema direita nazista de Bolsonaro e todo os seus conluios e reacionários  imperialistas. Queremos aquele que respeite a democracia, os direitos constitucionais, que não impeça o maior líder popular de nossa história disputar as eleições de 2018. Que volte o PROUNE, o FIES, o Bolsa Família, o fim do desemprego; cujo não devam ser entendidos como esmolas ou apenas como programas assistencialistas, mas sim como necessidades urgentes até que a economia seja desposta dando oportunidades para os pequenos produtores e empresários. Queremos um Brasil com eleições democráticas e verdadeiras com LULA PRESIDENTE NOVAMENETE.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ao vivo na TV 247 Youtube 247