O Mitômano e a inépcia do Supremo

Pelos homens de bem que querem a permanência do estatuto do desarmamento, pelas mulheres ofendidas pela desigualdade salarial, pelos gays que não merecem ser mortos ou apanhar, pelos negros que não são malandros, por todas as igrejas que pregam a PAZ, faça como eu e todos aqueles que não foram contaminados pelo vírus da discórdia, vote certo!

Há algum tempo, vemos pessoas se referirem ao candidato Bolsonaro como um tal de "Mito" e não mais de repente, esse mesmo denominador de " Mito" ganhou as ruas e caiu nas graças dos frustrados eleitores do candidato derrotado Aécio, em 2014.

Tudo o que sai na mídia sobre esse danado desse "Mito" viraliza nas redes sociais, sejam coisas boas ou más, como um verdadeiro "Mídas às avessas", todo o que ele toca gera indignação e revolta, pra não dizer que "dá merda".

As suas declarações polêmicas, como as de LGBTQs, mulheres, kit gay, negros, Congresso, entre outras, nem precisam ser citadas aqui , porque foram amplamente massificadas em todos os cantos nos últimos tempos. O fato é que o candidato tentou e na maioria dos casos – quase conseguiu – convencer as pessoas que os seus próprios vídeos revelações, eram nada mais, nada menos que fake news. Como assim, se o próprio aparece claramente proferindo as mais diversas barbaridades e muitas das vezes , Pasmem! até sorrindo delas...

Diante do exposto, a conclusão mais racional e menos emocional que se chega, é que o candidato a presidente Jair Messias Bolsonaro, é um verdadeiro Mito mesmo; não de mitológico, mas sim de Mitômano. Ou seja, ele tem o hábito patológico de mentir e, o faz, como fez no Jornal Nacional da Rede Globo, com a maior desfaçatez, sobre o tal kit gay que nunca existiu.

Esse é o perfil grotesco desse tal "Mito" que mente, para virar a cabeça de pessoas consideradas até inteligentes e fazer brotar todos os sentimentos negativos e primitivos nelas. Esse que se não fosse a tal "facada na opinião pública", que não passava nem pro segundo turno, desafia tudo e todos, a saber: políticos, juízes,promotores, procuradores, jornalistas, padres, pastores, bispos e até o Papa Francisco não escapou de suas críticas.

Bolsonaro acusou o Padre Julio Lancelotti de Pedofilia e de ser filiado ao PT, simplesmente porque na Quaresma, o santo padre se disse "impressionado" com as pesquisas indicando que "uma pessoa homofóbica, violenta, como o ( deputado federal Jair), é seguida por tanta gente no Brasil".

Esse é o modus operandi do "Soldado de Araque", como bem disse o candidato do PT Fernando Haddad, o neto do soldado de Hitler, quer transformar o País numa República Autoritária, Militar e Fascista, sem-cerimônia faz questão de provar isso todos os dias, em suas declarações na mídia.

Por fim para coroar a reta final de campanha do tal "Mito", foi descoberto um grande esquema de envio de mensagem através do tal caixa 2 do Whatsapp/Facebook, que segundo a matéria no jornal Folha de São Paulo e pela legislação vigente, configura-se crime eleitoral.

Bolsonaro, o Mitômano é periculoso e sua artimanha fascista perpassa também por seu vice, o tal General Hamilton Mourão, que de pijamas camauflados, nunca se viu tão bem na fita, a espreita do mais alto posto da nação. O polêmico criador do auto-golpe e do fim do 13° salário , deve estar só esperando Bolsonaro ser efetivado no cargo, para poder executar militarmente, o seu auto-golpe no titular e, virar o verdadeiro dono da caneta dourada.

Enquanto isso, o mundo inteiro e os democratas brasileiro, assistem a tudo isso como se fosse um pesadelo recorrente. Bolsonaro quer ser o Collor que daria certo, o super-herói necessário pra acabar com 518 anos de corrupção, pra destruir a liberdade de índios e negros, além de imprimir um regime inverso as conquistas constitucionais pós- ditadura.

De que valeu as revoluções brasileiras para a conquista da liberdade de voto direto e de expressão? De que valeram as torturas e mortes de idealistas e políticos, sofridas na década de 60 e 70, se a maioria dos brasileiros querem o retrocesso de volta? Clamam pela volta da ditadura e pior, estão vibrando com essa possibilidade?

Chego a conclusão que os apoiadores, simpatizantes e eleitores de Jair Bolsonaro não são anti-'PT coisa alguma, são é anti-eles mesmos, os hipócritas que foram embalados e encegueirados, por um tal censo de justiça radical, irracional, bestial e injustificável.

O Supremo Tribunal Federal, instância mais alta do judiciário brasileiro, coitado, no exato momento que deveria mostrar a grande força institucional que possuí, se ajoelha e pede bênçãos para o " Mito" e sua família, que sugerem até cabo e soldado para fechá-lo.

O deputado federal Wadih Damous do PT, num lampejo de inspiração e coerência, propôs o redesenho da Corte , só que de forma Constitucional . Ou seja, a mais alta corte brasileira tem agido de forma inconstitucional, o que é gravíssimo para a democracia.

Enquanto isso mais de mil juristas assinam um manifesto em favor da democracia e os tribunais superiores o que fazem? Se ajoelham a família Bolsonaro, como fizeram todos os partidos que não se posicionaram no segundo turno, liberando os seus filiados. Isso só demonstra que não só a corrupção foi institucionalizada, mas a covardia também foi.

Ainda dá tempo de virar o jogo e eleger um democrata, uma pessoa que tem propostas reais para melhorar a vida das pessoas e os destinos do País. Caso, contrário seremos uma mistura de Nicarágua com Faixa de Gaza, sob o domínio provinciano dos Estados Unidos e com um presidente que fará muito pior do que Michel Temer, transformará o Brasil num remake de 1964, implantando o AI -6,7,8,9, 100. E o povo, esses mesmos que querem um " doido pra acabar com tudo isso que esta aí", vão se arrepender amargamente, como fizeram com Collor e fariam com Aécio se fosse eleito.

Só que agora, certamente esse dano causado nessa eleição se der mesmo o fascista, será muito pior do que até, os governos da repressão.

Se os ministros do STF que são a favor da democracia soltassem o Lula agora, ou até mesmo os desse o direito de dar entrevistas, a campanha de Haddad seria anabolizada e a vitória seria uma realidade mais próxima de acontecer.

Pelos homens de bem que querem a permanência do estatuto do desarmamento, pelas mulheres ofendidas pela desigualdade salarial, pelos gays que não merecem ser mortos ou apanhar, pelos negros que não são malandros, por todas as igrejas que pregam a PAZ, faça como eu e todos aqueles que não foram contaminados pelo vírus da discórdia, vote certo! Vote no professor Fernando Haddad-13 para Presidente do Brasil.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Ricardo Cappelli

Sobre a pesquisa Veja/FSB

"A pesquisa parece ter sido feita para levantar Huck. Testaram Lula no segundo turno, mas não testaram no primeiro. Desnecessário? Não. Outras pesquisas comprovam que a presença de Lula no primeiro...

Ao vivo na TV 247 Youtube 247