O sistema self-service do golpe

Estamos vendendo nossa casa a baixo preço para continuarmos morando nela de aluguel com alto custo! Onde está a lógica disso?

Estamos vendendo nossa casa a baixo preço para continuarmos morando nela de aluguel com alto custo! Onde está a lógica disso?
Estamos vendendo nossa casa a baixo preço para continuarmos morando nela de aluguel com alto custo! Onde está a lógica disso? (Foto: Cristiano Lima)

Vivemos um momento triste digno de uma trama pastelão com direito a produção de péssimo gosto, manipulação, deturpação da verdade e prisões obscuras.

Um governo ilegítimo, embrião de um golpe, vem desmantelando tudo aquilo que foi construído e conquistado através de lutas, sangue e perseguição! Direitos, que para essa banda escravocrata tem o sinônimo de privilegio e, por conseguinte, seria a culpa de toda crise econômica.

A conta disso tudo recai para o trabalhador que perde seus direitos trabalhistas, para a previdência que vem sendo ameaçada por um fantasma de reformas e por fim, criminalizam aquele que sempre esteve ao lado do povo.

Um cardápio atrativo para o capital estrangeiro, que a seus olhos, o Brasil se comporta como uma colônia de exploração.

Um sistema econômico "self service" ou "entreguista", faz de prato principal nossas riquezas minerais, estatais e empresas publicas, enxugamento de direitos e reformas destrutivas que nos fazem lembrar um Brasil colônia são o cardápio oferecido aos senhores donos dos meios de produção e exploradores de mão de obra.
Para isso a receita é simples e cruel: sucatear, a ponto de inviabilizar a prestação dos serviços públicos, ter apoio da mídia golpista para manipular a opinião pública e por fim servir de bandeja ao capital estrangeiro com a justificativa imoral de que foi a melhor opção para o país.

Ora! Estamos vendendo nossa casa a baixo preço para continuarmos morando nela de aluguel com alto custo! Aonde reside a lógica disso tudo?

A desgovernabilidade exercida por um governo ilegítimo vem colocando o Brasil em uma situação de desacreditamento e declínio: massacre das classes pobres e um tapa na cara daqueles que manipulados pela mídia, engrossaram a voz de uma minoria.

A classe média, que ontem bateu panelas, vestiu-se de amarelo, hoje se cala diante de toda a barbárie que acontece no cenário, sócio econômico, seus chavões, classe media, hoje, não convencem nem a si próprio.

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Jandira Feghali

O massacre como política

Quem deterá o governador Witzel? Com certeza não será sua humanidade, já que comprovou não lhe restar nenhuma. É preciso transformar nossa indignação em protestos e ações institucionais e políticas...

Ao vivo na TV 247 Youtube 247