Os liberais das chuteiras

Os liberais das chuteiras do Brasil são muito parecidos com a burguesia bananeira guatemalteca do meados do século XX. Aqueles que eram metidos a liberais ao defender as bananas da United Fruit Company, e conservadores ao converter-se em desprezadores nativos, pedantes do subdesenvolvimento que eram funcionais para perpetuar o trabalho escravo

Os liberais das chuteiras do Brasil são muito parecidos com a burguesia bananeira guatemalteca do meados do século XX. Aqueles que eram metidos a liberais ao defender as bananas da United Fruit Company, e conservadores ao converter-se em desprezadores nativos, pedantes do subdesenvolvimento que eram funcionais para perpetuar o trabalho escravo
Os liberais das chuteiras do Brasil são muito parecidos com a burguesia bananeira guatemalteca do meados do século XX. Aqueles que eram metidos a liberais ao defender as bananas da United Fruit Company, e conservadores ao converter-se em desprezadores nativos, pedantes do subdesenvolvimento que eram funcionais para perpetuar o trabalho escravo (Foto: Guillermo Gomez)

Os liberais das chuteiras do Brasil são muito parecidos com a burguesia bananeira guatemalteca do meados do século XX.

Aqueles que eram metidos a liberais ao defender as bananas da United Fruit Company, e conservadores ao converter-se em desprezadores nativos, pedantes do subdesenvolvimento que eram funcionais para perpetuar o trabalho escravo de seus compatriotas.

O sonho de Temer e da família Globo é que os brasileiros bebam muitas cervejas, e que bêbados falem de "chuteiras" e se empolguem com os gols de Neymar.

Enquanto o Pré-sal ainda está sendo entregue ao preço da banana na clandestinidade, e com a cumplicidade da mídia da distração.

No final, o desmantelamento da capital nacional e a entrega dos recursos naturais dois brasileiros são para continuar pagando eternamente o golpe de Estado de 2016.

O liberalismo no Brasil já é sinônimo de analfabetismo político, os ridículos se fantasiaram com o uniforme da seleção de futebol para entregar parte de seu petróleo a uma empresa estatal da Noruega.

Tudo indica que os liberais brasileiros desnorteados ideologicamente em Oslo são estatistas.

Mas neste campeonato de petroleiras a Shell que destrói a empobrecida Nigéria, assumiu a liderança no Brasil.

Os burgueses das chuteiras, primeiro falaram com desprezo do Pré-Sal e ficaram escandalizados dos gastos do Bolsa Família e com o populismo.

Quando os machos famintos do Big Oil desembarcaram, houve todo tipo de espionagem, intervenções telefônicas e, no fim, dinheiro farto para comprar um golpe, para subornar deputados e senadores ...

No congresso de Brasília se montou uma farsa para agradar banqueiros e petroleiras estrangeiras. Uma vez consumado o golpe de Estado, surgiram os retrocessos sociais, que são sempre do gosto dos grandes liberais da "chuteira" e da banana.

Para a classe média que fazia o trabalho sujo, não houve nem um pouco de açúcar na boca. Muitos que trabalham corporações tiveram que trabalhar além da meta, e alguns foram deixados de fora pelo Deus Mercado. Eles atingiram com suas "chuteiras corporativas na bunda de muitos burgueses.

A pobreza voltou a morder os calcanhares, a festa não tive mais vinho francês.

Mas a copa do mundo da chuteira e cerveja, pode dar mais tempo, mais oxigênio a petroleiras e banqueiros.

O petróleo esperou milhões de anos sob camadas de sal para serem descobertos pela Petrobras. Mas essa descoberta não contou com o sentimento nacional, com o apoio dos liberais das chuteiras ...

A geologia torceu pela grandeza brasileira, mas o problema foi a mentalidade regressista do nativo, herdeiro de uma mentalidade escravocrata ...

O escritor argentino Arturo Jauretche disse com sabedoria: "Se o gringo que nos compra é ruim, o nativo que nos vende é pior"

 

Conheça a TV 247

Mais de Blog

Jandira Feghali

O massacre como política

Quem deterá o governador Witzel? Com certeza não será sua humanidade, já que comprovou não lhe restar nenhuma. É preciso transformar nossa indignação em protestos e ações institucionais e políticas...

Ao vivo na TV 247 Youtube 247