Qual a diferença entre o Estado Islâmico e a bancada evangélica?

Culpar os refugiados sírios pelo atentado do Estado Islâmico é a mesma coisa que culpar todos os evangélicos pela tara do malafaia por dinheiro

Sabe o que é?

Culpar os refugiados sírios pelo atentado do Estado Islâmico é a mesma coisa que culpar todos os evangélicos pela tara do malafaia por dinheiro.

Querem culpar alguém ou algum grupo?

Pensem em quem financiou desde o início os levantes contra Bashar Al Assad na Síria, nos partidos de esquerda que saudaram a primavera árabe e o exercito insurgente da Síria, pensem nos aviões dos EUA/França e Inglaterra lançando de para-quedas armas no deserto sírio para ajudar os lutadores pela democracia a vencer a ''tirania''. Os estúdios de filmagem do ISIS, os carrões com a traseira adaptada para baterias de metralhadoras.

Culpar os refugiados sírios, no melhor dos casos só denuncia a sua incapacidade intelectual, no pior das hipóteses torna evidente o quanto ainda existe de resquícios fascistas e xenofóbicos incutidos na população.

Vou continuar comendo falafel com coalhada seca e charutos de folha de uva nas ruas do bairro do Pari, junto dos sírios, palestinos e sauditas, não tenho estômago para o preconceito.

A mãe do estado islâmico é a politica externa dos EUA, França e Inglaterra.

Querem culpar alguém?

Não culpem os refugiados sírios, pergunte a um jovem argelino como é ser visto como um humano de terceira classe nas ruas de Paris.

Ainda querem culpar alguém?

Façam uma reflexão sobre o que pode acontecer quando politica e religião andam juntas, qual a diferença afinal entre fundamentalistas islâmicos e fundamentalistas cristãos? Qual a diferença entre o discurso de ódio de malafaia e as metralhadoras do ISIS?

Ao vivo na TV 247 Youtube 247