Resistência e Luta!

Os punhos e as rendas se charfurdaram em todas as lamas: Mídia, Burguesia, banqueiros, Judiciário e uma classe média idiota que não consegue se enxergar como classe trabalhadora, todos foram às ruas, de camisa da CBF, aos Piqueniques convocados pela nefasta Rede Globo e café da manhã fornecido pela FIESP do pato Amarelo

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Votei para presidente da República em 1989, com 39 anos.

Opção?

Protesto?

Anarquista?

Adivinhaaaa!

E ainda há muitos que afirmam que não houve ditadura.

Votei LULA, é claro.

Não sou admirador de Tancredo Neves.

Ele foi traidor das Eleições Diretas.

Operava junto aos bancos pelo Colégio Eleitoral.

Tinha certeza que perdia as eleições para Leonel Brizola.

Ali já tivemos que engolir o Centrão.

Deu em Sarney e no lombo do povo.

Qual a consequência: COLLOR DE MELLO  - O Caçador de  Marajás.

De novo no lombo do povo com o paliativo de Itamar pra "amenizar".

Votei em LULA novamente.

Não "Pegamos a Visão ".

Caimos no conto do Real.

A turma dos "Punhos de Renda".

O Príncipe da Sociologia.

A Social Democracia.

Os CEOS.

E tome Cipó de Aroeira.

Repetimos a dose.

Como diz um amigo: " Cansemo ".

Votamos em LULA novamente.

O povo entrou no orçamento:

Comida, emprego, renda, luz, água, saúde, crédito, universidades,

IFETs, transposição do São Francisco, pesquisas, cultura, participação

popular, divertimento, acesso as Universidades e pela primeira vez uma

das mais antigas profissões foi reconhecida:

A empregada doméstica virou uma Trabalhadora com todos os direitos.

Votamos em LULA novamente.

Tudo de bom outra vez.

Adoramos.

Alguns dirão: podia ter feito mais.

É possível.

A sensibilidade aguçada de LULA faz a escolha perfeita: DILMA.

Coragem, firmeza, prumo, honestidade, domínio completo do planejamento

e sem um pingo de medo da grande burguesia, de banqueiros,  tampouco

de milicos e menos ainda de milicianos .

INCORRUPTÍVEL

Sucesso absoluto.

O Brasil " bombou".

Taxa de desemprego a 4.7%.

Comissão da Verdade.

Uso dos Bancos Públicos para baixar os juros.

Bingo.

Reeleita.

Aqui entra o Golpe.

O próximo candidato seria LULA.

Como suportar?

Os punhos e as rendas se charfurdaram em todas as lamas:

- Mídia, Burguesia, banqueiros, Judiciário e uma classe média idiota

que não consegue se enxergar como classe trabalhadora, todos foram às

ruas,

de camisa da CBF,  aos Piqueniques convocados pela nefasta Rede Globo

e café da manhã fornecido pela FIESP do pato Amarelo.

Havia até dancinhas.

Lembram?

Vou pular o Temer.

Me poupem.

Deu em:

BUNDA SUJA X BUNDÄO.

Me nego veementemente a entrar nessa discussão.

São dois canalhas.

A ordem do dia é:

À luta companheiras e companheiros!

"Quem sabe faz a hora,

Não espera acontecer ".

Geraldo Vandré

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247