Rondônia: propagação da estupidez

Pronunciamento de Bolsonaro estimula carreata pelo fim da quarentena contra coronavírus

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Uma viatura da polícia militar bloqueou ruas e outras duas acompanharam a carreata pelo fim do isolamento contra a pandemia do Covid19 em Rolim de Moura, em Rondônia, nesta sexta-feira, 27. Um grande número de mototaxistas participou, pois é o serviço de transporte mais utilizado no município e que atende em condições precárias, com motos velhas e capacetes sujos.

O movimento começou a convocação pelas redes sociais logo após o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro em que estimulou os brasileiros a voltarem às suas atividades normais, apesar do seu ministro da saúde, Henrique Mandetta, pedir o contrário.

A insana atitude do presidente fez empresários, comerciantes, motoristas de aplicativo e profissionais liberais começarem uma campanha nas ruas para acabar com o confinamento que protege a população de contágio e transmissão do vírus mortal.

Na quarta-feira (25), o governador bolsonarista Marcos Rocha flexibilizou o decreto de calamidade pública liberando várias atividades da quarentena.

Isso estimulou ainda mais o movimento que incentiva as pessoas a desafiarem as orientação da Organização Mundial de Saúde contra a pandemia.


Conforme último boletim da Secretaria Estadual de Saúde, Rondônia tem seis casos confirmados de coronavírus, 219 descartados e 717 notificados.

O Brasil registrou 2 mil novos casos em seis dias e tem 77 mortes.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247