Sérgio Cabral não é do PCC

Data vênia, o juiz Sergio Bretas foi longe demais. Não se conhece uso de armas em processo algum da Lava Jato ou em outras operações envolvendo ilícitos entre políticos e empresários. Nunca se chegou a esse ponto. Os grupos - enquadrados formalmente como quadrilhas - não são organizações armadas. Sérgio Cabral não é do PCC

Data vênia, o juiz Sergio Bretas foi longe demais. Não se conhece uso de armas em processo algum da Lava Jato ou em outras operações envolvendo ilícitos entre políticos e empresários. Nunca se chegou a esse ponto. Os grupos - enquadrados formalmente como quadrilhas - não são organizações armadas. Sérgio Cabral não é do PCC
Data vênia, o juiz Sergio Bretas foi longe demais. Não se conhece uso de armas em processo algum da Lava Jato ou em outras operações envolvendo ilícitos entre políticos e empresários. Nunca se chegou a esse ponto. Os grupos - enquadrados formalmente como quadrilhas - não são organizações armadas. Sérgio Cabral não é do PCC (Foto: Alex Solnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ao se defender da acusação de que lavava dinheiro comprando joias, o ex-governador Sérgio Cabral comentou que o juiz Marcelo Bretas, seu interrogador, deveria saber que essa não seria a melhor maneira de lavar capitais, dado que sua família é dona de empresa de bijuterias.

A maior do estado.

Isso bastou para o juiz enxergar ameaça e falhas na segurança do presídio, supondo que essa informação ele teria recebido no cárcere.

E, uma vez ameaçado, decidiu despachar o ex-governador para bem longe do Rio de Janeiro, como se a sua permanência na cidade pudesse de alguma forma representar ameaça à integridade dele e de seus familiares.

Ou seja, deu a entender que o ex-governador, embora preso, teria capangas à solta, à espera de sua ordem para entrar em ação.

Data vênia, o juiz foi longe demais.

Não se conhece uso de armas em processo algum da Lava Jato ou em outras operações envolvendo ilícitos entre políticos e empresários. Nunca se chegou a esse ponto. Os grupos - enquadrados formalmente como quadrilhas - não são organizações armadas.

Sérgio Cabral não é do PCC.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247