Sorria, seu celular vai revelar quem você é

A era digital vem redefinindo modos, atitudes e códigos de conduta, mas gentileza e educação vão ser sempre as mesmas em qualquer meio ou tempo

Não deixe o seu celular revelar quem você é verdadeiramente. E se você é, procure não ser.

Aproveite a chance que o seu smartphone te oferece de se reinventar para ser alguém melhor, mais gentil e educado.

Eu explico.

Os aplicativos de mensagens instantâneas como o Facebook messenger ou o Whatsapp têm sido uma grande vitrine e palco de demonstrações de falta de etiqueta, gentileza e até mesmo de educação.

As pessoas têm mostrado muito do que são, de como agem e do que são capazes de (não) fazer quando estão por lá.

A era digital vem redefinindo modos, atitudes e códigos de conduta (já repararam como ficou esquisito pedir orientação na rua pra chegar a algum endereço depois do google maps?) mas gentileza e educação vão ser sempre as mesmas em qualquer meio ou tempo.

Há pessoas que são bem educadas, independente de sua situação sócio-econômica e refletem isso no mundo online. Uma questão de berço.

Há outras tantas que, apesar de toda a condição social e de tudo que adquirem com o dinheiro que têm, se esqueceram de comprar a tal etiqueta, ou melhor, uma sensibilidade especial no trato com os outros. E essa falta de educação digital fica clara em diferentes situações:

1) Todo mundo entende a necessidade eventual de responder um e-mail ou de checar uma mensagem instantânea em situações sociais. Não se trata de uma ditadura inflexível onde você não possa pegar no celular quando interagindo socialmente em diferentes meios. Notícias de um filho, resposta de um negócio, palavra do chefe - justificativas plausíveis. Mas ficar o tempo todo teclando enquanto se está num jantar, no meio de amigos num bar, ou mesmo no cinema é não ter o domínio de regras básicas de conduta digital.

2) Quando recebemos um e-mail ou mesmo quando somos copiados em algum simplesmente "para nossa informação" é bom acusar recebimento, assim se evita malentendidos do tipo "não vi, não abri, vi, não respondi". Envie um simples OK e mostre que você sabe trabalhar em equipe nos meios virtuais.

3) Não use grupo de whatsapp para conversas a dois. O restante do grupo fica entupido de mensagens que não lhes interessam. E falando em grupo, não faça grupos enormes no Facebook, incluindo gente que não pediu pra estar ali. É de péssimo tom. Socorro!

4) Se recebeu mensagem no Facebook, cuidado ao visualizá-las. Quem as enviou saberá que você a leu e não respondeu. Tá certo que às vezes estamos ocupados e preferimos responder com calma, mas dê um alô, diga que responde depois. A não ser que você queira mesmo dizer que não se importa com o seu silêncio.

5) Se você se preocupa com a sua imagem no que concerne à sua educação e boas maneiras, cuidado com o whatsapp. Se você deixa de responder a uma mensagem, quem a enviou pode ver a hora que você entrou por último no aplicativo. Claro que, como tudo na vida, às vezes priorizamos as coisas mais urgentes e imediatas e deixamos algumas mensagens menos "importantes" e urgentes para responder depois. Justo, justíssimo. Mas não deixe de criar uma rotina e checar todas as mensagens enviadas em algum momento do dia. Isso é prova de educação, gentileza, gentileza. Deixar as pessoas sem resposta nos meios digitais é tão feio quanto ser apresentado a alguém e depois não cumprimentá-lo. Mostra o quão rude você pode ser.

6) Ninguém é perfeito e nem a vida é. Deslizes e situações não desejadas fazem parte dela. O importante é se justificar, ter a delicadeza de, nos meios digitais tanto quanto no mundo offline, explicar a pressa, a demora em responder, a pouca atenção, o não-retorno de alguma solicitação.

Se gentileza gera gentiliza, educação e boas maneiras geram melhores relacionamentos e seres humanos ainda melhores. Faça com que as suas contas e perfeis mostrem a imagem que você deseja ver nos outros e no espelho.

Sorria, você está sendo revelado no seu celular.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247