Temer resolveu jogar gasolina na fogueira

"Alguém acredita que aumentar gasolina vai estancar o desemprego, ampliar o crédito inexistente na praça e estimular a volta dos investimentos? Ou vai exacerbá-los?", questiona o jornalista Alex Solnik, colunista do 247; "A questão do Fora Temer não é ideológica nem moral. É uma questão de sobrevivência dos brasileiros. Cada dia a mais de Temer no Palácio do Planalto é um real a menos na nossa já magra carteira", diz Solnik, que avisa: "De tanto semear fogo o imolado pode ser ele"

"Alguém acredita que aumentar gasolina vai estancar o desemprego, ampliar o crédito inexistente na praça e estimular a volta dos investimentos? Ou vai exacerbá-los?", questiona o jornalista Alex Solnik, colunista do 247; "A questão do Fora Temer não é ideológica nem moral. É uma questão de sobrevivência dos brasileiros. Cada dia a mais de Temer no Palácio do Planalto é um real a menos na nossa já magra carteira", diz Solnik, que avisa: "De tanto semear fogo o imolado pode ser ele"
"Alguém acredita que aumentar gasolina vai estancar o desemprego, ampliar o crédito inexistente na praça e estimular a volta dos investimentos? Ou vai exacerbá-los?", questiona o jornalista Alex Solnik, colunista do 247; "A questão do Fora Temer não é ideológica nem moral. É uma questão de sobrevivência dos brasileiros. Cada dia a mais de Temer no Palácio do Planalto é um real a menos na nossa já magra carteira", diz Solnik, que avisa: "De tanto semear fogo o imolado pode ser ele" (Foto: Alex Solnik)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

   O cada vez menos presidente da República, a poucos dias de seu ponto final resolveu jogar gasolina na fogueira.

   Dobrou o imposto do combustível aumentando o preço do litro em 40 centavos na bomba e disse que “a população irá compreender”.

   Nem a reacionária Fiesp compreendeu mais esse insulto à economia e à inteligência nacional.

   O pato amarelo vai voltar à Paulista.

   Com sorriso amarelo, mas vai.

   Qualquer parvo sabe que, quando sobe o preço da gasolina sobe tudo junto porque a maior parte das cargas brasileiras é transportada por rodovia graças a JK que, além de construir um absurdo faraônico chamado Brasília resolveu que o Brasil deveria se movimentar por estradas de rodagem e não de ferro e o resultado é que os brasileiros estão tomando ferro até hoje.

   Alguém acredita que aumentar gasolina vai estancar o desemprego, ampliar o crédito inexistente na praça e estimular a volta dos investimentos? 

   Ou vai exacerbá-los?

   A questão do Fora Temer não é ideológica nem moral. É uma questão de sobrevivência dos brasileiros.

   Cada dia a mais de Temer no Palácio do Planalto é um real a menos na nossa já magra carteira.   

   De tanto semear fogo o imolado pode ser ele.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247