Trapalhada de Temer é tiro no pé do golpe

O que fez um político até então conhecido por sua discrição e temperamento suave agir como um aloprado de primeira viagem? Seja como for, o tiro parece ter saído pela culatra

16/11/2015- Brasília- DF- Brasil- Vice-presidente Michel Temer recebe Haakon Magnus, príncipe herdeiro da Noruega.
16/11/2015- Brasília- DF- Brasil- Vice-presidente Michel Temer recebe Haakon Magnus, príncipe herdeiro da Noruega. (Foto: Miguel do Rosário)
Siga o Brasil 247 no Google News

A frase "verba volant, scripta manent" (palavras voam, escritos permanecem), que abre a cartinha de Temer, não poderia ser mais tola.

Primeiro: inventaram o gravador há muito tempo, de maneira que as palavras ditas oralmente podem durar tanto quanto palavras escritas.

Segundo: a profusão infinita de textos publicados nas redes faz com que a scripta voe mais que nunca.

Se é para citar latim, senhor vice-presidente, ao menos evitemos esses clichês mal ajambrados e vamos aos clássicos!

PUBLICIDADE

Vamos citar, por exemplo, Virgílio!

"Quae causa indigna serenos foedavit vultus?" (Eneida, Livro 2, verso 286).

Que causa indigna desfigurou teu semblante sereno?

PUBLICIDADE

O que fez um político até então conhecido por sua discrição e temperamento suave agir como um aloprado de primeira viagem?

Deslumbramento com possibilidade de assumir a presidência, em caso de golpe?

Chantagem de Cunha?

PUBLICIDADE

Combinação golpista com a Globo?

Seja como for, o tiro parece ter saído pela culatra.

Michel Temer, como vice-presidente, deveria zelar pela estabilidade política e não agir para trazer ainda mais instabilidade, trazendo mais sofrimento ao povo brasileiro e prejudicando a recuperação econômica!

PUBLICIDADE

O golpe agoniza.

Na Globonews, epicentro do golpe, os jornalistas não estão conseguindo segurar os convidados, que agora falam abertamente em "golpe paraguaio".

A narrativa do golpe, que pretendia se passar por uma medida perfeitamente constitucional, está fugindo ao controle da mídia.

Abaixo, matéria do Globo, publicada há pouco, mostrando a repercussão profundamente negativa da carta de Temer junto aos senadores do PMDB, que se sentiram traídos pelo vice-presidente.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email