TRF4 fará julgamento inócuo nesta segunda

Lula não poderá ser preso por nenhum juiz até que o STF julgue o mérito do habeas corpus no próximo dia 4 de abril. A condenação na segunda instância e o consequente mandado de prisão, portanto, não alcançam o ex-presidente em virtude de um salvo-conduto expedido pela corte suprema na última quinta (22).

TRF4 fará julgamento inócuo nesta segunda
TRF4 fará julgamento inócuo nesta segunda (Foto: Ricardo Stuckert)

Daqui a pouco, às 13h30, a 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), de Porto Alegre, vai julgar os embargos de declaração da defesa do ex-presidente Lula. É prevista a confirmação da condenação do petista a 12 anos e um mês de prisão no caso tríplex. E o que isso representa na prática? Nada.

Lula não poderá ser preso por nenhum juiz até que o STF julgue o mérito do habeas corpus no próximo dia 4 de abril. A condenação na segunda instância e o consequente mandado de prisão, portanto, não alcançam o ex-presidente em virtude de um salvo-conduto expedido pela corte suprema na última quinta (22).

O recurso será julgado hoje pelos três desembargadores titulares da 8ª Turma, que já condenaram Lula em 24 de janeiro. A saber: o relator Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Victor Luiz dos Santos Laus. A defesa do ex-presidente ainda poderá recorrer da decisão desta quarta.

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247