Uma chapa Lula-Rodrigo Pacheco é a mais provável por ser a mais estratégica

É muito mais vantajoso e traria mais capital político ter como vice o senador do PSD que Geraldo Alckmin

www.brasil247.com -
(Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News

Entre os diversos balões de ensaio sobre o possível Vice-Presidente do Lula surgiu mais um, Rodrigo Pacheco (PSD - Partido Social Democrático).

Rodrigo Pacheco, atual Presidente do Senado Federal e do Congresso Nacional, é senador por Minas Gerais pelo PSD, partido do Kassab.

A negociação para uma chapa Lula-Pacheco não é nova. Boatos sobre conversações entre o Partido dos Trabalhadores e Kassab já ocorrem desde outubro deste ano.

PUBLICIDADE

É muito mais vantajoso e traria mais capital político ter como Vice o Senador do PSD que Geraldo Alckmin, ex-PSDB e possível filiado ao PSB (Partido Socialista Brasileiro). Historicamente nunca houve um presidente no Brasil que não tenha vencido em Minas Gerais. Não apenas pelo número de eleitores, mas pelo estado ser uma perfeita representação social e econômica do país. José Alencar (Vice-Presidente em 2003-2012) foi escolhido por Lula também por ser um mineiro. 

José Dirceu, um dos estrategistas do PT, disse três meses atrás que em sua opinião o PSD de Kassab controlará o “Centrão” na próxima legislatura. O PSD conta com candidatos a governadores e deputados com força eleitoral e grandes possibilidades de vitória em diversas regiões do país. 

O PSD de Kassab é muito mais próximo do setor terciário da economia (comércio e prestadores de serviço), do que do setor financeiro e do agronegócio.

PUBLICIDADE

Comércio e prestadores de serviço foram beneficiados durante o governo Lula com a inclusão dos pobres ao consumo. Os pequenos empresários estão sendo fortemente castigados durante o governo neoliberal dos financistas e do agronegócio, mesmo com os ganhos da retirada dos direitos trabalhistas.

Geraldo Alckmin seria o vice do Lula pelo PSB, cujas exigências para formação de uma Federação, é que o PT não tenha candidatos a governadores pelos Estados do RJ, PE (Marília Arraes), SP(Haddad) e RS.

O que faria com o que o Partido dos Trabalhadores se enfraquecesse muito. As candidaturas aos cargos do executivo puxam votos às campanhas do legislativo (deputados estaduais e federais).

PUBLICIDADE

A base do PT, não aceita uma chapa Lula-Alckmin, sabe que o candidato é uma tentativa de pôr uma camisa de força num possível governo Lula.

A elite do atraso, capital financeiro nacional, internacional e seus aliados do Partido Militar têm consciência que a terceira via não decola e Bolsonaro perde apoio dia a dia. Sendo a eleição de Lula quase certa, pretendem amarrar o governo de tal maneira que este não possa fazer qualquer mudança que reverta o golpe. Se não bastasse institucionalizar um Estado Neoliberalismo, - PEC do Teto dos Gastos, Banco Central Independente e as decisões sistemáticas do STF transformando em jurisprudência (legislando ilegalmente) o neoliberalismo, agora querem por um vice neoliberal e extremamente conservado nos costumes, Geraldo Alckmin.

A elite adotou o método Lacerda contra Luiz Inácio Lula da Silva: “O Senhor Getúlio não deve ser candidato, se for candidato não deve ser eleito, se for eleito, não deve tomar posse, se tomar posse não pode governar”.  Carlos Lacerda 1950.

PUBLICIDADE

Gritar: “É contra o fascismo!”, é A Doutrina do Choque (Naomi Klein) para a esquerda, ela aceita tudo. Até mesmo ajudar a aprisionar o Lula e levar seu futuro governo ao fracasso.

O fascismo e o neoliberalismo são as mesmas coisas, não existe derrotar fascismo sem derrotar o neoliberalismo.

Este artigo não representa a opinião do Brasil 247 e é de responsabilidade do colunista.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email