Acesso à Base de Alcântara será controlado pelos Estados Unidos

O entreguismo e a alienação da soberania nacional no governo Biolsonaro não têm limites; o acesso à Base de Alcântara, no Maranhão, será controlado pelos Estados Unidos; o acordo assinado com o governo brasileiro prevê a criação de "áreas restritas", onde serão manipuladas as tecnologias norte-americanas; somente pessoas autorizadas pelo governo estadunidense poderão entrar nessas áreas

Acesso à Base de Alcântara será controlado pelos Estados Unidos
Acesso à Base de Alcântara será controlado pelos Estados Unidos

247 - O entreguismo e a alienação da soberania nacional no governo Bolsonaro não têm limites. O acesso à Base de Alcântara, no Maranhão, será controlado pelos Estados Unidos. O acordo assinado com o governo brasileiro prevê a criação de "áreas restritas", onde serão manipuladas as tecnologias norte-americanas. Somente pessoas autorizadas pelo governo estadunidense poderão entrar nessas áreas.

O acordo assinado durante a visita oficial de Bolsonaro aos Estados Unidos no mês passado estabelece também limitações no poder de investigação brasileira em casos de acidentes.

O acordo terá que passar pela aprovação do Congresso Nacional. Em 2000, tentativa no mesmo sentido feita pelo governo de Fernando Henrique Cardoso foi rejeitada pelo Legislativo e o Acordo de então foi derrubado.

Na próxima semana, os ministros da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, vão debater o assunto em audiência no Congresso Nacional, onde deve haver discussão acalorada com a oposição. "Há uma limitação clara da atuação das autoridades brasileiras em todas as situações. Os dispositivos podem limitar o poder de investigação em casos de acidente. É uma afronta à soberania nacional", afirmou o líder do PSOL, Ivan Valente (SP).

Leia reportagem de Renato Onofre, em O Estado de S.Paulo

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247