Afranio diz que ausência de Queiroz em depoimento desmascara Bolsonaro

"Isto é uma vergonha", afirmou o jurista e professor de Direito Processual Penal da UERJ, Afranio Silva Jardim, sobre a ausência pela segunda vez do ex-assessor da família Bolsonaro, Fabrício de Queiroz, ao depoimento para o Ministério Público; Afranio diz que a não ida do assessor "por si só, já desmascara este futuro governo"

Afranio diz que ausência de Queiroz em depoimento desmascara Bolsonaro
Afranio diz que ausência de Queiroz em depoimento desmascara Bolsonaro

247 - Por meio de sua página no Facebook, o jurista e professor de Direito Processual Penal da UERJ, Afranio Silva Jardim, comentou a ausência pela segunda vez do ex-assessor da família Bolsonaro, Fabrício de Queiroz, ao depoimento para o Ministério Público.

"Isto é uma vergonha", afirmou o jurista, reforçando que a não ida do assessor para depor "por si só, já desmascara este futuro governo. Enquanto isto, o Lula...", lembra.

O professor, que é considerados um dos mais importantes processualistas brasileiros, surpreendeu o mundo jurídico ao anunciar anunciou esta semana que abandonaria o Direito após a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Tofffoli, de suspender a liminar concedida pelo também ministro Marco Aurélio Mello, assegurando o fim das prisões automáticas das prisões em segunda instância.

"Continuo perplexo: o que fazer, diante de tantos absurdos, diante de tantas injustiças, diante de tanto cinismo?", indagou indignado. "As pessoas perderam o pudor, se é que tiveram algum dia", completou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247