Aluno do Piauí obtém maior nota em Matemática já registrada no Enem

O estudante Vitor Melo, de 18 anos, se apresentou como o dono da maior nota já registrada no Enem — 1.008,3 pontos na prova de Matemática, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ligada ao Ministério da Educação (MEC); Vítor acertou 45 questões e superou a marca anterior, de 973,6, obtida na edição de 2014; "Eu fechei a prova, consegui acertar 100% da prova de Matemática. Eu não tenho confirmado se a minha nota geral foi a maior do Brasil, mas não acredito que outro estudante tenha obtido uma nota maior", afirmou Vitor; governo federal abre nesta segunda-feira, 11, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), plataforma na qual as universidades ofertam as vagas a serem disputadas pelos alunos

O estudante Vitor Melo, de 18 anos, se apresentou como o dono da maior nota já registrada no Enem — 1.008,3 pontos na prova de Matemática, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ligada ao Ministério da Educação (MEC); Vítor acertou 45 questões e superou a marca anterior, de 973,6, obtida na edição de 2014; "Eu fechei a prova, consegui acertar 100% da prova de Matemática. Eu não tenho confirmado se a minha nota geral foi a maior do Brasil, mas não acredito que outro estudante tenha obtido uma nota maior", afirmou Vitor; governo federal abre nesta segunda-feira, 11, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), plataforma na qual as universidades ofertam as vagas a serem disputadas pelos alunos
O estudante Vitor Melo, de 18 anos, se apresentou como o dono da maior nota já registrada no Enem — 1.008,3 pontos na prova de Matemática, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ligada ao Ministério da Educação (MEC); Vítor acertou 45 questões e superou a marca anterior, de 973,6, obtida na edição de 2014; "Eu fechei a prova, consegui acertar 100% da prova de Matemática. Eu não tenho confirmado se a minha nota geral foi a maior do Brasil, mas não acredito que outro estudante tenha obtido uma nota maior", afirmou Vitor; governo federal abre nesta segunda-feira, 11, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), plataforma na qual as universidades ofertam as vagas a serem disputadas pelos alunos (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O estudante Vitor Melo, de 18 anos, se apresentou como o dono da maior nota já registrada no Enem — 1.008,3 pontos na prova de Matemática, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ligada ao Ministério da Educação (MEC).

Vítor acertou 45 questões e superou a marca anterior, de 973,6, obtida na edição de 2014. O jovem, que planeja cursar Medicina na Universidade Federal do Piauí, teve uma média geral de 841,8 pontos no exame. "Eu fechei a prova, consegui acertar 100% da prova de Matemática. Eu não tenho confirmado se a minha nota geral foi a maior do Brasil, mas não acredito que outro estudante tenha obtido uma nota maior", afirmou Vitor.

O Ministério da Educação utiliza um modelo estatístico, a Teoria de Resposta ao Item (TRI), que permite que diferentes edições da prova sejam comparáveis. Na TRI, leva-se em conta para o cálculo da nota não apenas o número de acertos do candidato, mas o nível de dificuldade de cada questão. A coerência das respostas do participante diante do conjunto das questões que formam a prova também é um critério para a nota final. Por isso, o número de acertos não tem correspondência direta com a pontuação final e pode ultrapassar os mil pontos.

Na segunda-feira, o governo federal abrirá o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), plataforma na qual as universidades ofertam as vagas a serem disputadas pelos alunos. Os candidatos poderão se inscrever em até duas opções de vaga. Eles deverão especificá-las em ordem de preferência.

O sistema indicará as notas de corte para cada curso até 14 de janeiro, quando se encerra o prazo para inscrição. Durante esse tempo, os estudantes poderão alterar a opção desejada, de acordo com a concorrência.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247