Após declaração polêmica, vice de Bolsonaro se autodeclara indígena ao TSE

Candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), o general da reserva Hamilton Mourão (PRTB) se declarou indígena no pedido de registro de candidatura feito ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE); na semana, Mourão gerou polêmica e protestos ao declarar que o Brasil herdou "indolência" da cultura indígena e "malandragem" do africano

Após declaração polêmica, vice de Bolsonaro se autodeclara indígena ao TSE
Após declaração polêmica, vice de Bolsonaro se autodeclara indígena ao TSE

247 - Candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), o general da reserva Hamilton Mourão (PRTB) se declarou indígena no pedido de registro de candidatura feito ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Na semana, Mourão gerou polêmica e protestos ao declarar que o Brasil herdou "indolência" da cultura indígena e "malandragem" do africano (leia mais).

Após a repercussão de sua fala, o candidato a vice disse foi mal interpretado e ressaltou que em momento algum fez referência a indígenas e africanos de forma pejorativa. Afirmou ainda que não é racista, reforçou sua origem indígena, e disse que "o brasileiro precisa conhecer a sua origem para as coisas boas e não tão boas".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247