Aras foi escolha melhor que lista tríplice, diz Eugênio Aragão

“Existiam escolhas piores", afirma o subprocurador aposentado Eugênio Aragão, ex-ministro da Justiça sobre a indicação de Augusto Aras para a Procuradoria-Geral da República. "Se fosse qualquer um da lista tríplice, seria a representação do corporativismo mais bruto do Ministério Público.”, argumentou

247 - Em entrevista ao Congresso em Foco, o subprocurador aposentado Eugênio Aragão, ex-ministro da Justiça durante o governo da presidenta Dilma, avaliou a decisão de Jair Bolsonro de indicar Augusto Aras para a Procuradoria-Geral da República.

Diferentemente de outros procuradores, Aragão afirma que Bolsonaro teria errado mais se tivesse escolhido alguém da lista tríplice indicada pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR).

“Existiam escolhas piores. Se fosse qualquer um da lista tríplice, seria a representação do corporativismo mais bruto do Ministério Público. Sob esse aspecto, Bolsonaro não se deixou levar pelo corporativismo. Todos apoiavam sem fazer autocrítica a Lava Jato e faziam parte do DNA corporativo do Ministério Público”, disse o ex-ministro.

Ele reforça, no entanto, que entre os cerca de dez nomes ventilados para o cargo, havia outras duas melhores opções: manter a procuradora-geral, Raquel Dodge, ou indicar o subprocurador José Bonifácio de Andrada, que foi vice-procurador-geral na gestão de Rodrigo Janot, e que apesar de um de seus desafetos, acredita que não permitiria a continuidade dos abusos.

“Bonifácio é uma pessoa extremamente dura, mas com discernimento enorme, que não deixaria abusos continuarem e, ao mesmo tempo, saberia controlar a Casa. O terceiro nome seria o próprio Aras”, considera.

O ex-ministro destaca que Aras "adota discurso que coincide 100%" com o que ele pensa sobre a Lava Jato. Ele cita um artigo publicado no Estadão em que ele se "posiciona contra a espetacularização", mas pondera: "Por outro, critica a chamada 'ideologia de gênero' e é a favor da possibilidade de uma democracia militarizada”.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247