Arrocho fiscal pode impor perda de R$ 9,46 bilhões à saúde em 2020

A regra do teto de gastos, que estabelece limites para o crescimento do gasto público, pode impor perdas de R$ 9,46 bilhões à área de Saúde em 2020

(Foto: Gov. SP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A política de arrocho fiscal do governo Bolsonaro pode acarretar perdas de 9,46 bilhões à Saúde no próximo ano, informa reportagem de Alexandro Martello do portal G1.

O governo está propondo que no orçamento de 2020 seja destinada a verba de R$ 122,9 bilhões para a Saúde. Pela norma anterior à política de arrocho fiscal, o valor deveria ser de R$ R$ 132,3 bilhões.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247