"As ameaças de morte contra mim têm ligação direta com o dossiê de Bolsonaro", denuncia policial antifascista

"Em um dos áudios que recebi o agressor cita como aliado o deputado Ruy Irigaray (PSL). Este mesmo deputado fez a denúncia contra mim que deu origem ao dossiê", afirmou Leonel Radde

Leonel Radde
Leonel Radde (Foto: Reprodução/YouTube)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O policial Leonel Radde, que denunciou que está sendo alvo de ameaças de morte, disse que a motivação tem raiz direta com o dossiê antifascista produzido pelo Ministério da Justiça do governo Jair Bolsonaro.

"As ameaças de morte contra mim têm ligação direta com o Dossiê realizado por Bolsonaro contra os policiais antifascistas. Em um dos áudios que recebi o agressor cita como aliado o deputado Ruy Irigaray (PSL). Este mesmo deputado fez a denúncia contra mim que deu origem ao dossiê", afirmou Radde em sua página nas redes sociais.

Irigaray encaminhou denúncia contra o policial ao Ministério Público Estadual afirmando que Radde estaria usando "a sua função para incentivar a desordem e o descumprimento da lei".

Leonel Radde tem uma atuação na denúncia contra a ação de neonazistas na região Sul do Brasil. 

Leonel Radde participou do programa Boa Noite 247 e falou sobre o aasunto. Confira:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email