'Avançamos bastante', diz Alckmin sobre cracolândia

Governador de So Paulo percorreu a regio de carro e, segundo ele, a tem visitado com frequncia; "a regio j tem mais segurana"

'Avançamos bastante', diz Alckmin sobre cracolândia
'Avançamos bastante', diz Alckmin sobre cracolândia (Foto: ERNESTO RODRIGUES/AGÊNCIA ESTADO)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O governador Geraldo Alckmin falou na manhã deste sábado sobre a visita realizada na região da cracolândia nesta madrugada, durante coletiva cedida à imprensa enquanto vistoriava obras no Hospital Heliópolis, na zona sul de São Paulo.

O governador percorreu a região de carro e, segundo informou, a tem visitado com frequência. "Ontem voltei bem tarde da noite e verifiquei que nós avançamos bastante, a região já tem mais segurança, ruas por quais ninguém passava, todas elas praticamente já estão com segurança, famílias andando de noite. Isso mostra que as duas coisas são importantes, o atendimento social, o trabalho médico e de saúde, já foram 80 internados, nenhum obrigatório, e também o trabalho policial", disse Geraldo Alckmin.

O governador afirmou que a polícia vai continuar na região e que a Operação deve persistir por bastante tempo. "Tem que perseverar. De um lado com o trabalho social de abrigo das famílias, de saúde pública, porque dependência química é doença, e do lado policial, para garantir a segurança das pessoas na região e ao mesmo tempo prender quem faz tráfico de drogas"

Ainda de acordo com Geraldo Alckmin, em áudio cedido pela assessoria de comunicação do governo do Estado, abusos policiais não serão toleradas. "Não é um trabalho fácil, mas a polícia está acompanhada e orientada neste trabalho."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email