Bhogossian: Bolsonaro paga qualquer preço para emplacar filho na embaixada

O jornalista Bruno Boghossian destaca que, embora soubesse que “o currículo do filho não era suficiente para o posto mais importante da diplomacia brasileira no exterior”, Jair Bolsonaro , “limpou uma planilha de cargos vultosos no governo para entregar aos parlamentares dispostos a apoiá-lo”

O deputado federal Eduardo Bolsonaro
O deputado federal Eduardo Bolsonaro (Foto: Paola De Orte/Agência Brasil)

247 - O jornalista Bruno Boghossian destaca que embora soubesse que “o currículo do filho não era suficiente para o posto mais importante da diplomacia brasileira no exterior”, Jair Bolsonaro , “limpou uma planilha de cargos vultosos no governo para entregar aos parlamentares dispostos a apoiá-lo” na empreitada de fazer o deputado federal Eduardo Bolsonaro o novo embaixador do Brasil em Washington. 

Bhogossian observa que embora a indicação tenha recebido “o aval do governo americano”, ela ainda não foi enviada ao Senado para aprovação. Para o jornalista, “o  longo processo e as críticas públicas revelam o custo político alto da escolha - um custo que Bolsonaro está disposto a pagar.

“O presidente queima a influência política do governo para emplacar Eduardo. Quando fala em desistir, ignora o óbvio entrave moral de enfiar um filho numa função pública de peso e parece só estar preocupado com o bem-estar da prole”, afirma. 

Bhogossian relembra que “no início do mandato, ele engrossou a voz para acusar o Congresso de achacar o governo em troca de cargos. Agora, ordenou que seus auxiliares façam de tudo para agradar aos senadores”. “A insistência é o sinal de que o presidente não se importa em degradar o governo e pôr em risco outras votações importantes, só para confirmar uma escolha injustificável”, diz. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247