Biden eleito deixa o Brasil 'mais isolado do que nunca', diz ex-embaixador Roberto Abdenur

"Está claro a essa altura que a diplomacia brasileira não será capaz de promover as mudanças de postura que agora se tornam essenciais nessa atmosfera política internacional com a eleição de Biden", afirma o embaixador do Brasil nos EUA durante o governo Lula, Roberto Abdenur

(Foto: Cebri)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-embaixador do Brasil nos Estados Unidos Roberto Abdenur afirmou nesta segunda-feira (9) que o isolamento do governo de Jair Bolsonaro deverá aumentar no mundo após a vitória de Joe Biden sobre Donald Trump nas eleições presidenciais estadunidenses. 

Embaixador do Brasil em Washington entre 2004 e 2007, durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Abdenur disse não ver como o Brasil possa se mover de maneira a tornar administráveis as várias dificuldades que surgem com o novo governo americano.

"O Brasil está mais isolado do que nunca. E está claro a essa altura que a diplomacia brasileira não será capaz de promover as mudanças de postura que agora se tornam essenciais nessa atmosfera política internacional com a eleição de Biden, porque nossa política externa, baseada em fantasias, visões conspiratórias, maniqueísmos, rejeição ao multilateralismo, está firmemente enraizada na ideologia de extrema direta do Bolsonarismo", disse o embaixador em entrevista à BBC News Brasil

Alertando para a importância política do Brasil na América Latina, apesar do governo Bolsonaro, Roberto Abdenur avaliou que os EUA terão interesse em buscar algum apoio do Brasil no contexto da confrontação estratégia com a China, que continuará com Biden, "embora de maneira mais hábil, mais equilibrada, mais serena".

"Um requisito essencial de qualquer política externa é não ser movida por considerações e preferências ideológicas e menos ainda por idiossincrasias pessoais de seus líderes como é o caso da relação de admiração, submissão e subserviência que Bolsonaro estabeleceu com Trump", diz.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247