Bolsonaro agride repórter da Folha e pede “bom jornalismo”

Demonstrando falta de traquejo com a imprensa, Jair Bolsonaro afirmou que a Folha de S.Paulo não tem que contratar "qualquer uma" para trabalhar no jornal, após a repórter Marina Dias questioná-lo sobre cortes verba na Educação; segundo o presidente, a jornalista tinha que entrar de novo "numa faculdade que presta e fazer bom jornalismo"; vídeo

Bolsonaro agride repórter da Folha e pede “bom jornalismo”
Bolsonaro agride repórter da Folha e pede “bom jornalismo”

247 - Demonstrando novamente falta de traquejo com a imprensa, o presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (16) que a Folha de S.Paulo não tem que contratar "qualquer uma" para trabalhar no jornal. A declaração foi dada nos Estados Unidos, após a repórter Marina Dias questionar o chefe do Planalto sobre o bloqueio de recursos no orçamento da educação.

De acordo com o presidente, a jornalista tinha que entrar de novo "numa faculdade que presta e fazer bom jornalismo". Bolsonaro disse ainda que esta Folha não pode contratar "qualquer uma para ser jornalista, ficar semeando a discórdia e perguntando besteira e publicando coisas nojentas por aí. É isso que vocês da Folha têm que fazer", disse.​

Segundo a matéria do jornal, "enquanto respondia a pergunta, o presidente foi orientado pelo secretário de comunicação da Presidência da República, Fabio Wajngarten, a usar a palavra 'contingenciamento' e não 'corte' — expressão que o próprio Bolsonaro já havia utilizado em outros momentos durante a mesma entrevista".

Ao vivo na TV 247 Youtube 247