'Bolsonaro ainda não vestiu o terno de presidente', diz Simone Tebet

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) afirma jamais ter imaginado chegar "aonde chegamos" e diz: "o Bolsonaro precisa vestir o terno de presidente da República, que ainda não vestiu, e parar de ficar instigando a violência”.

(Foto: Pedro França - Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 -  A senadora Simone Tebet (MDB-MS) afirma jamais ter imaginado chegar "aonde chegamos" e diz: "o Bolsonaro precisa vestir o terno de presidente da República, que ainda não vestiu, e parar de ficar instigando a violência”.

A reportagem do jornal O Estado de S. Paulo destaca que "jamais imaginei que pudéssemos chegar onde chegamos”, disse a senadora, referindo-se ao presidente da República, que acusou de estar 'à beira do limite civilizatório', e de estar 'abalando a base social do Brasil, que tem, no seu DNA, o perfil de uma sociedade pacífica e unitária'."

A matéria ainda acrescenta que "Indignou-a, particularmente, além da “truculência com o Congresso”, a defesa presidencial de um coronel torturador judicialmente condenado, o falecido Brilhante Ustra, recentemente promovido a “herói da pátria”. Lembrou-se, contou, da primeira celebração de Ustra, no voto de Bolsonaro pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff, em abril de 2016. 'Aquilo já me arrepiou, de tão absurdo', disse. Ela também, como se sabe, foi uma defensora entusiasmada da cassação da petista pelo Senado. 'Não me arrependi', afirmou." 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email