Bolsonaro diz a Maia que atacou OAB por causa de facada

Bolsonaro tentou explicar o ataque que fez ao presidente da OAB, Fernando Santos Cruz, e diz que sua atitude foi uma reação ao fato de a OAB ser contra a quebra de sigilo telefônico do advogado que defendeu Adelio Bispo

Rodrigo Maia e Jair Bolsonaro
Rodrigo Maia e Jair Bolsonaro (Foto: Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, tomaram café-da-manhã nesta terça (30), no Palácio da Alvorada, em Brasília. A informação é da jornalista Mônica Bergamo, em sua coluna no jornal Folha de S.Paulo. 

No encontro, Bolsonaro tentou explicar o ataque que fez ao presidente da OAB, Fernando Santos Cruz, ao afirmar que sabia como o pai dele, Fernando Santa Cruz, desaparecido político, havia sido morto na época da ditadura.

Segundo o presidente, sua atitude foi uma reação ao fato de a OAB ser contra a quebra de sigilo telefônico do advogado que defendeu Adelio Bispo, que deu uma facada nele na campanha presidencial.

Bergamo também relata que Bolsonaro disse que o assunto ainda mexe muito com ele, tentando justificar a virulência de suas palavras contra o presidente da ordem.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247