Boulos peita Ciro e assume bandeira pela democratização da mídia

Líder do MTST, Guilherme Boulos diz que o pré-candidato à presidência pelo PDT, Ciro Gomes, "repete o erro de dizer que a melhor regulação da mídia é o controle remoto"; declaração do ex-ministro foi feita durante evento nesta terça, quando declarou que não colocaria em pauta a regulação da mídia caso chegasse ao Planalto; "Não dá mais. A esquerda precisa assumir a pauta da democratização das comunicações, com fim do monopólio e da propriedade cruzada. É cumprir a Constituição, nada mais", defende Boulos

Líder do MTST, Guilherme Boulos diz que o pré-candidato à presidência pelo PDT, Ciro Gomes, "repete o erro de dizer que a melhor regulação da mídia é o controle remoto"; declaração do ex-ministro foi feita durante evento nesta terça, quando declarou que não colocaria em pauta a regulação da mídia caso chegasse ao Planalto; "Não dá mais. A esquerda precisa assumir a pauta da democratização das comunicações, com fim do monopólio e da propriedade cruzada. É cumprir a Constituição, nada mais", defende Boulos
Líder do MTST, Guilherme Boulos diz que o pré-candidato à presidência pelo PDT, Ciro Gomes, "repete o erro de dizer que a melhor regulação da mídia é o controle remoto"; declaração do ex-ministro foi feita durante evento nesta terça, quando declarou que não colocaria em pauta a regulação da mídia caso chegasse ao Planalto; "Não dá mais. A esquerda precisa assumir a pauta da democratização das comunicações, com fim do monopólio e da propriedade cruzada. É cumprir a Constituição, nada mais", defende Boulos (Foto: Gisele Federicce)

247 - O líder do MTST, Guilherme Boulos, peitou o ex-ministro e pré-candidato à presidência pelo PDT, Ciro Gomes, e assumiu a bandeira pela democratização da mídia.

Pelo Twitter, Boulos disse que Ciro "repete o erro de dizer que a melhor regulação da mídia é o controle remoto", em referência à mesma declaração já feita pela presidente deposta Dilma Rousseff.

A declaração de Ciro foi feita durante evento nesta terça-feira 20 organizado pela Folha, quando declarou que não colocaria em pauta a regulação da mídia caso chegasse ao Planalto.

"Não dá mais. A esquerda precisa assumir a pauta da democratização das comunicações, com fim do monopólio e da propriedade cruzada. É cumprir a Constituição, nada mais", defende Boulos.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247