Brasil abre mão de soberania ao nomear general nos EUA, diz Amorim

Em vídeo para o site Nocaute, o ex-chanceler e ex-ministro da Defesa comenta a grave situação na Venezuela e o perigo de uma intervenção militar sob o pretexto de fazer ingressar no país uma ajuda humanitária. Ele também fala a respeito da nomeação de um general brasileiro para integrar o Comando Sul do Exército dos Estados Unidos. Para Amorim, isto significa que o Brasil está abrindo mão da soberania nacional, ao assumir um papel de auxiliar das forças armadas dos EUA

Brasil abre mão de soberania ao nomear general nos EUA, diz Amorim
Brasil abre mão de soberania ao nomear general nos EUA, diz Amorim (Foto: Geraldo Magela)

247 - O ex-chanceler e ex-ministro da Defesa, Celso Amorim, comenta em vídeo sobre a grave situação na Venezuela e o perigo de uma intervenção militar sob o pretexto de fazer ingressar no país uma ajuda humanitária. Ele também fala a respeito da nomeação de um general brasileiro para integrar o Comando Sul do Exército dos Estados Unidos. Para Amorim, isto significa que o Brasil está abrindo mão da soberania nacional, ao assumir um papel de auxiliar das forças armadas dos EUA.

A situação da Venezuela é cada vez mais dramática, e cada vez mais a "ajuda humanitária" pretendida pelos Estados Unidos não é pra valer, diz o ex-chanceler. "Se fosse, deveria ser negociada pela ONU" e não imposta através de uma ação na fronteira. "Ações desse tipo são prelúdio de uma intervenção militar, o que pode ter consequências muito graves

Amorim considera que a nomeação de um general brasileiro para o posto de vice-comandante do Comando Sul dos Estados Unidos contraria a estratégia nacional de defesa, que foi elaborada no governo Lula com ampla participação de militares e, posteriormente, durante o governo Dilma, aprovada por decreto legislativo, portanto deveria ter força de lei.

Essa estratégia, lembra Amorim, afirma que o Brasil é um país pacífico por tradição e convicção e se orienta pelo que a Constituição Federal estabelece para as relações internacionais do país.

Assista:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247