Carla Zambelli fica em silêncio em depoimento na PF

Zambelli disse que se negou a responder às perguntas por não ter tido acesso aos autos do processo, mas disse que as perguntas eram desconexas com a “atualidade” e em nada tinham relação com o caso

(Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) ficou calada durante audiência na Polícia Federal, nesta quinta-feira (4), em depoimento que integra o inqérito contra fake news no Supremo Tribunal Federal (STF).

Ela disse que se negou a responder às perguntas por não ter tido acesso aos autos do processo, mas disse que as perguntas eram desconexas com a “atualidade” e em nada tinham relação com o caso.

“Até o momento nem sei se estou na condição de testemunha, em que condição estou. As perguntas foram feitas sem contextualização de datas”, disse Zambelli aos jornalistas ao deixar a PF.

Zambelli acusou o processo de ser inconstitucional e ser uma perseguição a membros e apoiadores do governo Bolsonaro.

Zambelli aproveitou para se defender, afirmando que atua de forma “etica” nas redes, além de negar a existência do “gabinete do odio”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email