Carlos Bolsonaro ataca Lula usando código morse mas comete erro e vira piada

Vereador pelo Rio de Janeiro, o filho do presidente tentou atacar o ex-presidente Lula em código morse, mas esqueceu letras e confundiu símbolos; ao tentar escrever "Lula tá preso babaca", esqueceu-se da letra A, escrevendo "babca"; além disso, os espaços usados de forma errada inverteram totalmente a ordem da frase, que acabou ficando sem sentido

Carlos Bolsonaro ataca Lula usando código morse mas comete erro e vira piada
Carlos Bolsonaro ataca Lula usando código morse mas comete erro e vira piada (Foto: CMRJ)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Conhecido por suas frases sem sentido, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC), filho do presidente Jair Bolsonaro, superou-se nesta quinta-feira (13). Ao tentar atacar o ex--presidente Lula (PT) em mensagens escritas em código morte, Carlos errou os símbolos e a frase ficou, mais uma vez, sem sentido.

O código morse é um sistema que representa letras e números utilizando pontos, traços e espaços, desenvolvido por Samuel Morse em 1835. Em sua conta do Twitter, Carlos Bolsonaro tentou fazer uma piada sobre o ex-presidente, mas colocou espaços desnecessários e usou subtraços em vez de traços, o chamado "underline".

Ele tentou escrever "Lula tá preso babaca", mas esqueceu uma letra A. Além disso, os espaços usados de forma errada inverteram totalmente a ordem da frase, que acabou ficando sem sentido.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247